EDIÇÃO DIGITAL

Sexta-feira

22 de Fevereiro de 2019

Irmãos guarujaenses se preparam para competir Mundial de artes maciais

Ramon e Pablo Mello disputarão a competição em março, em Assunção, no Paraguai

Os irmãos e atletas de karatê Ramon e Pablo Mello estão se preparando para disputar o Campeonato Mundial de Artes Maciais, que será realizado nos dias 9 e 10 de março em Assunção, no Paraguai.

Treinados pela própria mãe, Wilma Mello, os dois têm focado no trabalho físico. "Estamos bem centrados na preparação. Nós treinamos em casa e também com a federação, em São Paulo", contou à Tribuna On-Line o Ramon, o irmão mais novo, que fará 17 anos na semana que antecede ao início do torneio. Pablo tem 21.

"A fase de classificação foi bastante intensa e recente. O campeonato é de extrema importância, tanto pela variedade e dificuldade de arte marcialistas que irão estar lá, quanto pelo clima quente que enfrentaremos no Paraguai. Estou treinando muito e espero conseguir um resultado excelente para o Guarujá e o Brasil", disse ainda o atleta.

A mãe e técnica de Ramon e Pablo também falou sobre as dificuldades enfrentadas relacionadas à temperatura nesta época do ano no país que sediará o Mundial deste ano: "Está extremamente quente lá, e de kimono grosso, a sensação térmica chega aos 48 graus dentro do ginásio. Por isso, estamos treinando com kimono de lona grossa e embaixo de sol aqui, para não sofrermos lá".

Ambos estão em dieta e em preparação há alguns meses. O foco realmente é todo nesta competição, que os irmãos terão como oponentes atletas que são oriundos das mais diversas artes maciais.

"Quando eles participam de torneio de karatê, eles sabem o que o adversário vai usar como tática e técnica. Já em competição de artes maciais é mais difícil", disse Wilma.

Primeiros colocados no ranking nacional e internacional da Associação Brasileira de Artes Maciais (ABAM), os irmãos Mello já alcançaram grandes voos quando conquistaram o vice-campeonato no Mundial da Argentina, em 2014.

Agora, vão em busca do ouro no Paraguai. Ramon, pela categoria juvenil, e Pablo, pela adulta.