Barreira sanitária de Ilha Comprida é retirada após longa fila na entrada da cidade

Barreira foi colocada como forma de prevenir a disseminação do coronavírus na cidade

O município de Ilha Comprida removeu a barreira sanitária da entrada da cidade por volta das 11h30 da manhã de hoje. Motoristas que estavam no local, antes da retirada, relataram uma grande fila de carros. O prefeito Geraldino Júnior afirmou que nesta fase amarela de flexibilizações e retomada consciente da economia , e com forte movimento de feriado neste sábado , a barreira não atingia mais seus objetivos.

A remoção conta com o apoio e adesão dos proprietários de imóveis, comerciantes , hoteleiros , visitantes e a população, sempre cumprindo os protocolos de segurança  ao coronavírus e as normas preventivas, como uso de máscaras em todos os lugares públicos e privados, distanciamento social e cuidados com a higiene. 

Nesta retomada consciente, o setor comercial da Ilha opera de acordo com protocolos segmentados disponíveis para download no site www.ilhacomprida.sp.gov.br. Os hotéis podem receber visitantes com normas de segurança ao Covid e até 50% da capacidade. Nas praias, os ambulantes podem voltar a trabalhar com dois jogos de mesas e cadeiras, assim como os quiosques poderão atender com até vinte mesas e cadeiras.

Para o cumprimento das medidas preventivas e regras de segurança, o município anunciou a intensificação da fiscalização 24 horas. Também está em  funcionamento 24 horas o Posto Avançado Covid-19 na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Marginal Candapuí.

Tudo sobre: