Lojistas de São Vicente relatam humilhação e até tapas de clientes que ignoram existência do Covid

Clientes desrespeitam o uso obrigatório de máscara e a aferição da temperatura

Desde a flexibilização do comércio, os lojistas de São Vicente têm enfrentado dificuldades para barrar os clientes que não cumprem corretamente as medidas de segurança contra a covid-19 dentro dos estabelecimentos. Os comerciantes alegam que os clientes não colocam a máscara corretamente quando solicitado e questionam a aferição de temperatura na porta.

Camila Dantas trabalha em uma loja no centro de São Vicente e conta que muitos clientes desrespeitam as regras e não gostam quando os funcionários pedem para que as máscaras sejam colocadas corretamente. “A gente sente que a população não está com todas as informações necessárias, acham que é uma brincadeira e não sabem das leis e dos decretos”, diz.

Reginaldo também é comerciante e conta que também teve experiências parecidas. Além da resistência com o uso da máscara, muitos clientes não gostam de ter a temperatura aferida. “Tem gente que questiona se é para aferir na testa ou no pulso. Um cliente deu até um tapa na mão do meu funcionário, que ia medir a temperatura na testa, mas o cliente não aceitou e, em vez de falar educadamente, deu um tapa no funcionário. Chegou até a cair o aparelho”, diz.

Camila diz ainda que sente dificuldade para procurar as informações corretas para orientar os clientes, como a idade mínima para se usar máscara. Eles sentem que a população ainda precisa de mais orientação para entender que a pandemia precisa ser levada a sério.

 

Prevenção

A Prefeitura de São Vicente, por meio da Secretaria de Comércio, Indústria e Negócios Portuários (Secinp), informa que desde o início da reabertura do Comércio, medidas de proteção e segurança têm sido adotadas no Município, que segue as orientações definidas pelo Governo do Estado.

Todas as medidas, inclusive, foram, e são, amplamente divulgadas entre os comerciantes e junto à população, contando, inclusive, com o importante apoio da imprensa regional.

No caso dos comerciantes, o trabalho de divulgação conta com o apoio da Associação Comercial de São Vicente, que tem sido parceira no trabalho de orientação sobre ações e medidas que devem ser adotadas para se combater a disseminação da Covid-19.

Ressalta-se, ainda, que todas as medidas de segurança foram oficializadas por meio de decretos municipais que estão à disposição e podem ser consultados pela população por meio do site.

Em relação ao uso obrigatório de máscaras, a Secretaria de Saúde (Sesau) informa que segue a orientação para uso em crianças acima de dois anos.

Tudo sobre: