Guarda Civil Ambiental resgata sabiá-cica em residência na Vila Margarida

Ave estava desacordada e será encaminhada ao entro de Pesquisa e Triagem de Animais Selvagem (CEPTAS), em Cubatão

Um sabiá-cica, ave que está sob risco de extinção, foi resgatado no fim da tarde desta quinta-feira (14), na Vila Margarida. A ação foi realizada por equipe da Guarda Civil Ambiental (GCA), coordenada pela Secretaria do Meio Ambiente e Defesa Animal (Semam), de São Vicente.

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços!

A ave é primeira dessa espécie a ser resgatada na região. De acordo com a coroporação vicentina, o aninal estava desacordado após bater na vidraça de uma residência.

O sabiá-cica ficou sob a custódia da GCA, sendo encaminhado nesta sexta-feira (15) ao Centro de Pesquisa e Triagem de Animais Selvagem (CEPTAS), em Cubatão. No local, será submetido aos devidos cuidados e preparado para soltura.

“Aparentemente, a ave não sofreu nenhum trauma, apenas o choque de colisão”, afirma Adilson Santana de Lima, supervisor do Pelotão Ambiental.

O exemplar foi encaminhado para tratamento antes de ser devolvido à natureza (Divulgação/PMSV)

O sabiá-cica é encontrado em matas úmidas da Serra do Mar e florestas isoladas em regiões serranas, e podem aparecer desde o sul da Bahia até a Província de Misiones, na Argentina.

A coloração verde vivo, junto com a mancha violeta-azulada no ventre, são características que chamam atenção. Essa ave já foi abundância por toda a porção costeira da Mata Atlântica, porém, em decorrência da ação humana na natureza, a quantidade da população dos sabiás- cica diminuiu drasticamente.

Denúncias

O munícipe que encontrar algum animal silvestre, deve acionar a Guarda Civil Ambiental (GCA), por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Defesa Animal (Semam), pelos números (13) 3569-2274 e (13) 99679-3604. Pode, também, ligar para GCM, pelo 153 (ligação gratuita). Outra forma de contato é por meio dos e-mails gcmpamb@saovicente.sp.gov.br e gcmambiental09@gmail.com.