Praia Grande adota semáforo inteligente para eliminar congestionamentos

Sistema moderno deve ser adotado ainda neste bimestre; treinamento das equipes que atuarão no local foi iniciado na quinta-feira (14)

Em até dois meses, Praia Grande deve adotar semáforos integrados de forma a controlar o tempo de liberação do trânsito conforme a quantidade de veículo. A chama “onda verde” será monitorada por uma central 24 horas. O uso de tecnologia é a aposta da administração público para reduzir lentidão nas vias e aumentar a segurança viária na Cidade.  

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços! 

As equipes que atuarão na central de controles já passam por treinamentos, iniciados nesta quinta-feira (14). A base de operações está em construção na sede da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran), que ficará responsável pela coordenação da ação. A previsão é que a central esteja em pleno funcionamento no primeiro bimestre de 2020.  

A diretora da Divisão de Planejamento e Engenharia de Tráfego de Praia Grande, Michele Rezende de Mesquita, explica que o atual parque de controladores semafóricos atua de forma isolada, o que pode prejudicar a gestão do tráfego. “Com essa central mais moderna e totalmente integrada entre si, o sistema viário da Cidade vai funcionar de forma mais eficiente e segura”. 

Dentre os trabalhos que serão realizados na Central Semafórica está a comunicação online de todos os controladores de trânsito e também ajustes dos “tempos de verde” de acordo com a demanda de veículos. A ação auxiliará na liberação do fluxo viário em trechos mais movimentados e em horários de pico. 

O principal destaque da ação é a interação entre o operador com o sistema, uma vez que as mudanças necessárias poderão ser realizadas de forma remota, diretamente da central, sem a necessidade do envio de um funcionário ao local para realizar a ação manualmente. 

As informações de defeitos que possam ocorrer no funcionamento dos semáforos serão automáticas e instantâneas, o que possibilitará o envio das equipes de agentes de trânsito mais próximas ao local o mais rápido possível e a realização do início da manutenção necessária do equipamento praticamente em tempo real. 

Será possível também quantificar a captação do fluxo viário e realizar o monitoramento automatizado de passagens de veículos por determinados trechos urbanos. Esse acompanhamento oferecerá dados para possíveis futuras ações viárias, como de reforço nas sinalizações de trânsito, entre outras, necessárias em cada trecho. 

A instalação do novo parque semafórico inteligente é possível aumentar a segurança dos condutores de veículos e pedestres com a redução de acidentes em cruzamentos viários semaforizados. A administração destaca que estão em atualização os controladores semafóricos já existentes na Cidade, com aperfeiçoamento de seus módulos eletrônicos. 

A central será controlada por softwares específicos por meio de um sistema inteligente de controle de fluxo de veículos com leitura por laços físicos e passagem prioritária para veículos de emergência. Também está prevista a prestação de serviços remotos de apoio aos usuários para suporte e resolução de problemas técnicos e operacionais, oferecendo diagnóstico remoto e em tempo real para garantir que a central continue operando perfeitamente. 

Cronograma 

Nas próximas etapas da ação está previsto o término da montagem do espaço físico onde será realizado todo trabalho operacional do sistema e a continuidade das atualizações das placas dos controladores, que estão sendo atualizadas por modelos de última geração.  

Em um segundo momento, a intenção é iniciar a análise dos cruzamentos, para que seja otimizado o tempo de verde em trechos com maiores fluxos de veículos. Com o novo sistema será possível, inclusive, que a verificação seja realizada automaticamente, aumentando o período de sinal aberto conforme a quantidade de veículos na via. 

Tudo sobre: