EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

26 de Maio de 2019

'De Olho no Futuro' atende mais de 2 mil alunos da rede municipal de Praia Grande

Projeto avalia a acuidade visual de crianças com idade de 3 a 5 anos

A saúde das crianças tem relação direta com a educação. Com esse preceito, a Prefeitura de Praia Grande realiza, desde o segundo semestre de 2018, o programa "De Olho no Futuro". Neste ano, o mutirão de oftalmologia já tem datas definidas para acontecer.

A ação ocorre por meio de parceria entre as secretarias de Educação (Seduc) e Saúde Pública (Sesap). Para 2019, mais três mutirões de consultas com oftalmologistas já têm data para acontecer. O primeiro está marcado para 30 de março, o segundo para 6 de abril.

A Secretaria de Saúde Pública da cidade ainda definirá a terceira data. Para dar suporte às famílias, as pedagogas comunitárias que atuam nas unidades acompanharão a realização dos exames. Passarão pelo atendimento médico alunos das EMs Nicolau Paal, Pablo Trevisan Perutich, Ophélia Caccettari Reis, Idalina da Conceição Pereira e Paulo de Souza Sandoval.

O projeto busca atender alunos da Educação Infantil com idades entre 3 e 5 anos. Desde o início, o "De Olho no Futuro" já atendeu 2.085 crianças de oito escolas municipais. Após a avaliação, 311 estudantes passaram por consulta com especialista.

De acordo com a secretária de Educação de Praia Grande, Nanci Solano Tavares de Almeida, a administração municipal já busca parcerias, por meio de chamamento público, para disponibilizar de forma gratuita os óculos aos alunos após análise social.

Além dos mutirões de exames, o "De Olho no Futuro" terá continuidade em outras duas vertentes em 2019. Uma delas diz respeito à realização de triagens nas demais unidades de Educação Infantil que ainda não passaram pelo projeto. A outra ação está relacionada a novas capacitações dos professores, assim como ocorreu no fim do ano passado, durante evento no Auditório Jornalista Roberto Marinho.