EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

19 de Maio de 2019

Cássio Navarro fala de trabalho na Assembleia e despista sobre futuro político

Atual líder do PSDB, deputado estadual deixa o Legislativo em março, ao fim do mandato

O deputado estadual Cássio Navarro (PSDB) encerra sua segunda passagem pela Assembleia Legislativa de São Paulo em 15 de março. O parlamentar, que tem a Praia Grande como base eleitoral, no entanto, não dá pistas quanto ao seu futuro político.

Escolhido pelo governador de São Paulo, João Doria, para ser o substituto de Marco Vinholi (atual secretário estadual de Desenvolvimento Regional) como líder do PSDB na Casa, Navarro tem bom trâmite dentro da esfera estadual. Além disso, mantém uma relação amigável com o prefeito da Capital, Bruno Covas, além de ser genro do prefeito de Praia Grande, Alberto Mourão, todos do mesmo partido.

O tucano prefere manter os próximos passos ainda ocultos. "Neste novo governo de João Doria, eu tive a satisfação de assumir a liderança do PSDB na Assembleia Legislativa, que vai até o meio de março. Então, temos bastante trabalho para ajudar esse novo governo. Depois disso, por todo trabalho que desenvolvi e experiência que possuo, acredito que possa ser chamado para contribuir em alguma esfera administrativa. Ainda não existe um convite, mas as possibilidades são reais", disse o deputado estadual.

Da mesma forma, Cássio Navarro também busca despistar sobre a possibilidade de se candidatar ao cargo de prefeito em Praia Grande, nas eleições de 2020. Na cidade, ele já foi eleito vereador em duas oportunidades, tendo sido presidente da Câmara Municipal, além de atuar como chefe de gabinete de Mourão.

"Eu sou morador do município de Praia Grande. Tivemos a satisfação de ter um prefeito que fez um trabalho que mudou a realidade da cidade. Agora, mais uma vez, depois do seu quinto mandato, ele vai precisar que uma outra pessoa assuma o controle do município. Mas isso não é por agora. Ainda há dois anos de mandato do prefeito Mourão, no qual quero estar apoiando para que continue com esse trabalho efetivo de benefício a toda a sociedade. Talvez, daqui a um ano e meio, nós vamos ter o momento da discussão eleitoral. A sociedade estará bastante responsável e irá enxergar um nome que possa fazer essa sucessão. Estou na vida pública há bastante tempo, e sempre estarei à disposição da população para enfrentar esses desafios que me colocarem à prova", comenta o parlamentar.

Tucano se colocou à disposição da população, mas despistou sobre futuro político (Foto: Nirley Sena/AT)

Trabalho na Assembleia

Cássio Navarro também fez uma análise do trabalho dentro da Assembleia Legislativa. O praiagrandense foi o idealizador de uma Frente Parlamentar que debateu questões envolvendo o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI). Segundo ele, esse trabalho resultou na tranquilidade maior do usuário em utilizar as rodovias.

"Isso foi possível em um trabalho que propiciou o aumento do efetivo, investimentos em iluminação e em serviços gerais como atendimento ao usuário, câmeras de monitoramento, instalação de barreiras para que pessoas não adentrem a rodovia. Tudo isso possibilitou que as pessoas pudessem utilizar o sistema com bastante tranquilidade", analisa Navarro.

Outra participação importante do parlamentar foi como relator da Comissão Parlamentar de Inquerito (CPI) que investigou as Organizações Sociais (OSs) da Saúde. No entendimento do tucano, as entidades cometiam erros por causa da falta de conhecimento da legislação.

"Era uma legislação que já tinha algum tempo, que completou 20 anos. Muita coisa mudou de lá para cá. Então, era preciso adequar uma nova legislação. É o que fizemos ao fim desse relatório. Fizemos a proposta de uma legislação atual. Essa CPI levantou, sem dúvida, muitos erros que ocorriam. Principalmente na parte de gestão, onde as organizações sociais faziam terceirização ou até quarteirização do serviço, apesar de isso não ser previsto em contrato. Isso acabou sendo fruto de denúncias, que serão apuradas", explica o deputado.

De maneira geral, Navarro avalia o mandato como positivo. "Tivemos a oportunidade de trabalhar com afinco em temas importantíssimos para a Baixada Santista. Também tivemos ganhos importantes nas áreas da saúde e segurança, e isso foi possível com bastante trabalho. Uma participação que beneficiou a vida de milhares de pessoas. Então, fico muito satisfeito", fala o tucano.

Cássio Navarro falou sobre o trabalho na Frente Parlamentar do SAI e na CPI das OSs (Foto: Nirley Sena/AT)