EDIÇÃO DIGITAL

Quarta-feira

5 de Agosto de 2020

Serviço de telemedicina atinge marca de mil atendimentos em Itanhaém

O serviço oferece suporte médico à distância às pessoas que desejam tirar dúvidas sobre o coronavírus ou apresentam sintomas respiratórios

A prefeitura de Itanhaém divulgou, nesta quinta-feira (30), que o serviço de telemedicina, adotado para desafogar a procura às unidades de saúde em meio à pandemia da Covid-19, já realizou mais de mil atendimentos por meio de videoconsultas após três meses de funcionamento.

O serviço oferece suporte médico à distância às pessoas que desejam tirar dúvidas sobre o coronavírus ou apresentam sintomas respiratórios. Os munícipes podem entrar em contato, de segunda a sexta-feira, inclusive aos feriados, das 8 às 17 horas, pelo telefone (13) 3421-4413.

Do total dos atendimentos, 100 pacientes com suspeita da doença são acompanhados por uma equipe da Secretaria de Saúde, que realiza o monitoramento no período da quarentena. Desses 100, 25% dos enfermos apresentaram agravamento dos sintomas e receberam agendamento do tele atendimento. O paciente em isolamento domiciliar conversa com o médico de plantão por meio de videoconsultas, já que o confinamento é recomendado para evitar a propagação do coronavírus.

Lançado em abril deste ano, o serviço de telemedicina é ofertado após triagem pela central de atendimento da Secretaria de Saúde e notificações de pacientes que apresentam quadro gripal e foram atendidos em uma das Unidades de Saúde da Família (USFs) ou Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Antes de receber a confirmação do pré-agendamento por mensagem pelo WhatsApp, o paciente passa por avaliação de uma equipe multiprofissional que responderá perguntas referentes aos sintomas, contaminação, maneiras de frear o contágio, tratamento, quando procurar uma Unidade de Saúde da Família (USFs) e hábitos de higiene.

Tudo sobre: