Quadrilha mascarada de Coringa é presa por roubos a residências na Baixada Santista

Criminosos fazem parte de um organização criminosa especializada neste tipo de crime no litoral de SP. Além de roubar, eles agrediam as vítimas durante os atos criminosos

Quatro homens suspeitos de fazerem parte de uma associação criminosa, especializada em roubos a residências, foram presos por policiais da Delegacia Sede de Peruíbe na noite desta segunda-feira (15).

Clique e Assine A Tribuna por apenas R$ 1,90 e ganhe acesso completo ao Portal e dezenas de descontos em lojas, restaurantes e serviços! 

As investigações começaram após duas pessoas procurarem o 1° Distrito Policial de Peruíbe para relatar que foram vítimas de roubo, na última quinta-feira (11), e que um dos autores havia agredido as pessoas da casa. 

Os investigadores passaram a atuar pelo Bairro Ribamar, região do assalto, e localizaram o veículo das vítimas no dia seguinte (12) abandonado em via pública.

Em seguida, os policiais civis conseguiram identificar as redes sociais dos suspeitos, que postavam fotos com joias, dinheiro e roupas das vítimas. Com a ajuda de câmeras de monitoramento, os policiais localizaram o endereço dos suspeitos e passaram a observar a rotina da casa. 

Após as investigações, os policiais civis adentraram no imóvel, na noite de segunda-feira (15), e conseguiram deter quatro homens (de 19,20,25 e 30 anos) que estavam com objetos roubados.

Os suspeitos foram conduzidos à delegacia e reconhecidos pelas vítimas como autores do roubo.

Outros crimes

Os investigadores também conseguiram identificar mais vítimas e devolver objetos roubados de outras três residências.

Também foi constatado que o modo de agir dessa associação criminosa era sempre muito semelhante. Os indivíduos invadiam a residência, ameaçavam e agrediam fisicamente e levavam os pertences como joias, aparelhos eletrônicos e roupas, colocando os objetos para serem transportados no carro das vítimas. Além disso, os indivíduos também utilizavam uma máscara de um personagem de filme para roubar as residências. 

Segundo a Polícia Civil, as vítimas de crimes semelhantes devem procurar a Delegacia de Polícia de Peruíbe para adoção das medidas legais e devolução dos bens recuperados. Informações que auxiliem as investigações podem ser realizadas de forma anônima através do telefone 181 (Disque Denúncia). 

Além da prisão dos quatro suspeitos, os policiais civis identificaram outras pessoas que auxiliavam na consecução desses roubos.

Tudo sobre: