EDIÇÃO DIGITAL

Quinta-feira

17 de Outubro de 2019

Baleia Jubarte é encontrada morta na Ilha do Cardoso, em Cananéia

Animal foi localizado em rochedo e já estava em estado avançado de decomposição

Uma baleia foi encontrada morta e em estado avançado de decomposição em uma área de rochedo da Ilha do Cardoso, em Cananéia. Pesquisadores do Instituto de Pesquisas Cananéia (IpeC) afirmam terem encontrado o animal, da espécie Megaptera novaeangliae, neste domingo (15).

A baleia foi localizada pelo IpeC durante monitoramento costeiro daquela região. Segundo o instituto, o animal provavelmente foi levado pelas ondas até o lugar, que é chamado popularmente de Costão do Marujá.

Por ser um local de difícil acesso, não há previsão para a retirada do corpo da baleia, mas o IpeC continuará monitorando o local. Ainda não se sabe a causa da morte. Nesta época, ocorre a migração das Jubarte, que nadam pelo Oceano Atlântico para se alimentarem e reproduzirem.

O Ipec integra um projeto de monitoramento costeiro que visa avaliar impacto da exploração do petróleo na Bacia de Santos, cujo licenciamento é conduzido pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Tudo sobre: