Um estudante de Direito foi abordado por quatro marginais menores de idade no Canto do Forte, em Praia Grande,  por volta das 23 horas de quinta-feira .

Segundo a vítima, ela chegava em casa de carro, após sair da faculdade, quando foi abordada em frente ao portão  pelo bando.  Armados, os menores mandaram o estudante entrar no banco de trás.

Após fazerem várias ameaças e apreenderem a mochila da vítima, o bando jogou o universitário para fora do automóvel com ele ainda em movimento no meio de uma rua próxima ao bairro Ocian.

Amparado por um taxista, que estava nas redondezas, o estudante ligou para o 190 e acionou a Polícia Militar. Viaturas se posicionaram cercando todos os viadutos da Cidade na tentativa de fazer uma emboscada aos suspeitos.

Após perceberem que os policiais os avistaram,  os bandidos resolveram parar em um posto de gasolina do bairro Jardim Anhanguera para tentar despistar os oficiais.

A ação não deu certo e eles foram localizados pelos policiais que deram voz de prisão. Três menores se entregaram na hora, enquanto um outro tentou fugir munido de uma arma de fogo. Após troca de tiros, o criminoso foi baleado e morreu uma quadra depois do posto de gasolina.

A arma foi apreendida e a mochila com os pertences da vítima recuperada. Segundo o delegado Siulen Viera Leung, os três adolescentes detidos serão encaminhados à Vara da Justiça da Infância e Juventude.