EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

19 de Novembro de 2018

PF prende angolano que gerenciava rede de tráfico internacional de drogas

Homem de 43 anos voltava de sua terra natal no momento da prisão; investigação durou 7 meses

Um angolano de 43 anos foi preso pela Polícia Federal na quarta-feira (7), no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, após investigações o apontarem como responsável por uma rede de envio de drogas ao exterior através de “mulas do tráfico”.

A prisão é resultado de sete meses de trabalho da PF, iniciado em abril deste ano, a partir da prisão de um brasileiro que  tentava embarcar para a Namíbia, país africano, com mais de quatro quilos de cocaína ocultos dentro de embalagens de produtos cosméticos.

No mês seguinte, mais duas prisões: uma brasileira de 62 anos também, que estava a caminho de Angola e tinha mais de dois quilos de cocaína escondidos junto ao corpo, sob a forma de tornozeleiras; e de um angolano, solicitante de refúgio, que tentava aliciar pessoas na região central de São Paulo.

Por fim, chegou-se à identidade do traficante responsável pelo envio das drogas ao exterior, que foi o indivíduo preso nesta quarta-feira, quando desembarcava em Guarulhos de voo procedente de seu país natal. Ele será encaminhado ao presídio estadual, onde permanecerá à disposição da Justiça.