Veículos terão upgrade obrigatório em equipamentos e itens de segurança

Contran publica resolução com 38 pontos a serem implementados nos veículos nacionais, em até 4 anos

12/12/2017 - 12:44 - Atualizado em 12/12/2017 - 12:57

Há 38 itens na lista do Contran (foto: Fernanda Luz)

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou uma resolução ( 717/17) que atualiza ou cria novas especificações a todos os tipos de veículo do País. Ao todo, são 38 itens, a maior parte de segurança, que contemplam desde reboques a caminhões, passando, claro, por carros de passeio e motocicletas. 

Os itens especificados deverão receber regulamentação específica entre seis meses e quatro anos, dependendo do caso – a maior parte dos itens, em seis meses; quatro anos somente para as regras que nortearão a entrada de veículos autônomos no mercado brasileiro.

O objetivo do Contran é atualizar os equipamentos dos veículos, em compasso com as novas tecnologias existentes, para incrementar a segurança não só nos veículos, como no trânsito – incluindo pedestres. Veja abaixo os itens previstos para os carros de passeio.

Alguns itens previstos na resolução do Contran

Alerta de frenagem emergencial 

Avisa, por sinais luminosos e/ou sonoros, que o veículo está perigosamente próximo a outro muito mais lento à frente. 

Sistema de visibilidade traseira

Trata-se da câmera de ré. Ainda é dúvida se o Contran regulamentará também sensores traseiros de estacionamento ou de tráfego transversal. 

Atualização de normativo sobre buzinas 

Novos padrões de acionamento e sonoridade das buzinas.

Atualização de normativo sobre retrovisores

Novos padrões de dimensionamento e acionamento dos retrovisores

Atualização de normativo sobre dobradiças e fechaduras 

Novos padrões de acionamento e funcionamento de dobradiças e fechaduras das portas e porta-malas. 

Atualização de normativo sobre proteção ao ocupante incluindo impactos frontal e traseiro 

Novas diretrizes de segurança, provavelmente ligadas a reforços estruturais de carroceria. 

Aviso de afivelamento dos cintos de segurança 

Prevê aviso sonoro e/ou por luz no painel sobre a necessidade de afivelar os cintos antes de o carro entrar em movimento. A medida não será apenas para o cinto do motorista, mas também dos passageiros. 

Proteção para pedestre

Item ainda insípido. Não há especificação sobre se haverá algum dispositivo de detecção preventiva de pedestres na via ou alguma regra para minimizar os efeitos de um atropelamento.

Impactos laterais

O Contran promete duas resoluções a respeito: uma sobre impactos laterais e outra para colisões em postes. O órgão sinaliza com a obrigatoriedade de reforço na estrutura das portas e colunas, possivelmente também com airbags laterais. 

Aviso de manutenção em faixa 

Emite sinal visual e/ou sonoro para alertar que o motorista está saindo de sua faixa de rodagem. Já é utilizado em vários modelos. 

Frenagem automática emergencial

Prevê auxilio à frenagem com pressão adequada; em alguns casos, age sozinho para frear o carro a tempo de evitar ou minimizar danos, em caso de colisão.

Veículos com acessibilidade 

Impõe a inclusão de equipamentos para facilitar o acesso ao veículo de pessoas com deficiência. A diretriz não especifica se os itens estão direcionados apenas a carros adaptados, ou se todos os veículos devem contar com os equipamentos. 

Gravador de dados de acidentes de trânsito 

É a caixa-preta dos aviões ganhando as ruas, avenidas e estradas. Ajudaria a investigar o desenrolar e as eventuais causas de acidentes. 

Regulamentação para veículos elétricos

Não está especificado se haverá apenas indicadores de segurança ou também de estrutura viária para receber esse veículos.

Localização e identificação dos controles

Padronizará os ícones e o posicionamento dos comandos no painel dos veículos

Veja Mais