Com marca histórica em fábrica, Ford anuncia o que virá

Planta de Taubaté completa 50 anos e vai produzir motor 1.5 Ti-VCT e transmissão manual MX65

26/04/2018 - 18:41 - Atualizado em 26/04/2018 - 19:02

A Ford organizou uma festa tripla em sua unidade de Taubaté (SP): os 50 anos de operação da unidade e o início da produção local do motor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros e da nova transmissão manual MX65. Os sistemas irão equipar futuros produtos da marca.

Além de tudo isso, a Ford anunciou que o motor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros, que hoje equipa o EcoSport, também será oferecido em breve no Ka FreeStyle, mais novo utilitário compacto global da marca, junto com a transmissão MX65 (o carro já foi mostrado de modo estático e aguarda a data para o lançamento oficial). O Brasil foi o primeiro país a lançar o novo propulsor global e agora será um dos únicos a produzi-lo, ao lado da China, do México e da Índia, país de onde ele era importado. Primeiro 1.5 do mundo com três cilindros, oferece 91,5 cv.

Indústria 4.0

Para a produção do novo motor e da nova transmissão em Taubaté, a Ford investiu em equipamentos e processos que seguem o conceito de Indústria 4.0. Entre as novidades estão a instalação de 30 robôs e uso da tecnologia de rastreamento QR Code na linha de motores, além de 19 robôs e solda a laser na unidade de transmissões.

Além de flexibilidade para a produção de motores de três e quatro cilindros na mesma linha, a fábrica tem 100% dos equipamentos conectados via wi-fi para monitoramento on-line da produção, da qualidade e da manutenção de máquinas e equipamentos.

“Nós atualizamos 100% do nosso parque fabril em Taubaté, com automação das linhas de usinagem e montagem, e melhoramos o fluxo de materiais”, disse Rogelio Golfarb, vice-presidente de Assuntos Governamentais, Comunicação e Estratégia da Ford América do Sul.

Desempenho e eficiência

Com potência de 137/130 cv e torque de 16,3/15,8 Nm (com etanol/gasolina), o novo motor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros produzido em Taubaté usa bloco de alumínio e tecnologias como duplo comando de válvulas e correia imersa em óleo. 

A nova transmissão manual MX65 de cinco velocidades tem um design menos complexo, um processo de manufatura mais enxuto e pesa 8 kg a menos que a transmissão IB5. Além do Brasil, é fabricada também na França e na Índia.

Ao longo de suas cinco décadas de história, o complexo industrial da Ford em Taubatéjá forneceu motores para o Mustang nos Estados Unidos e para o Focus montado na Europa, além de vários modelos de sucesso produzidos no Brasil e América do Sul, como Maverick, F-1000, Escort, Fiesta, Ka, Focus e EcoSport. Soma uma produção total de cerca de 8 milhões de motores e 7 milhões de transmissões. 

Veja Mais