Chevrolet aprimora Montana e deixa picape mais 'pé-de-boi'

Ideia é atingir público que utiliza modelo para o trabalho

02/05/2018 - 17:35 - Atualizado em 02/05/2018 - 17:44

As montadoras já perceberam há algum tempo que, por mais conforto e modernidade que tragam, as picapes compactas necessitam de versões ‘pé-de-boi’, ou seja, aquela produzida 100% para o trabalho. Ok, a Fiat ainda investe em algo mais com a Strada, mas, em 2016, a Volkswagen lançou a nova geração da Saveiro com a nova versão Robust, de cabine simples e a qual você idealiza ver nas ruas sendo usada para o transporte de muito material de trabalho.

Agora é a vez da Chevrolet, que, ao lançar a linha 2019 da Montana, tenta colocar sua representantes como a picape cabine simples mais completa da categoria.

A Montana 2019 traz, além de direção hidráulica, rodas aro 15, banco do motorista com ajuste de altura, sistema de luz ‘siga-me’, painel de instrumentos na cor Ice Blue e  sombreiras com espelho. A lista soma para-choques na cor da carroceria, lanternas escurecidas, barra de proteção nas portas e freios ABS com assistente de frenagem de emergência (EBD).

A picape da  Chevrolet pode ser equipada com ar-condicionado, grade de proteção do vidro traseiro, comando elétrico dos vidros, travas e retrovisores externos, sistema de acendimento automático dos faróis, controle de velocidade de cruzeiro e sistema de som com Bluetooth e entrada USB.

A Montana é comercializada em duas versões de acabamento: LS e Sport, sempre equipada com motor flex SPE 1.4 ECO. A transmissão é a manual, de cinco velocidades. O conjunto mecânico desenvolve até 99 cavalos e 13 kgfm de torque.

De acordo com dados do Inmetro, o modelo da Chevrolet, em média, percorre, com um litro de gasolina, 13,4 quilômetros na estrada e 11,7 quilômetros na cidade. Com etanol são 9,2 quilômetros e 7,9 quilômetros, respectivamente. O indicador de mudança de marcha no painel ajuda o motorista a dirigir de forma mais eficiente.

Colaboram os apêndices aerodinâmicos, como o spoiler lateral, que reduz a resistência ao vento e contribui para o maior silêncio a bordo.

A Montana conta ainda com sistema de arrefecimento com ventilador de menor atrito e a utilização de óleo de baixa viscosidade (0W20). Freios de baixo arrasto, rolamentos especiais e pneus de baixa resistência a rolagem fazem igualmente parte do pacote. Já a aceleração da picape de 0 a 100 km/h é feita em 10,4s.

LEIA MAIS

<