BMW marca um X no Brasil e renova linha de utilitários

X3 chega em março e X2 vem ainda no primeiro semestre

30/01/2018 - 18:09 - Atualizado em 30/01/2018 - 18:24

Um modelo para quase agora, outro para o decorrer de 2018 e planos para embarcar de carona no bom momento vivido pelos SUVs no mercado nacional. A BMW marca um X no Brasil e tem projeções bem ousadas para cá. Medo de errar? Não no atual momento.

A marca alemã tem lá seus motivos. A gama de utilitários esportivos hoje representa 60% da produção na planta de Araquari (SC). Por isso a linha que vai de X1 a X7 será bem completa em 2018. Em março as concessionárias já terão a nova geração do X3. Não bastasse, a BMW anunciou que o crossover X2 chega ainda no primeiro semestre.

O X3 chegará em duas versões: o xDrive30i X-Line terá o preço de R$ 309.950, enquanto o X3 M40i custará R$ 397.950. Chamado de SAV (abreviação para Sports Activity Vehicle), ele já está em pré-vendas por aqui.

Na parte frontal, o SAV (não SUV) apresenta faróis full LED em formato hexagonal (pela primeira vez usado no segmento pela BMW). O modelo recebe nova grade e para-choque com formato mais aerodinâmico. As rodasde liga leve foram redesenhadas em Y-spoke bicolor Orbit Grey com 20 polegadas na versão X3 xDrive30i X Line e Double spoke de aro 21” na X3 M40i.

 

Na parte traseira, o BMW X3 oferece lanternas em LED com defletor de ar sobre a tampa do porta-malas, além deduas saídas de escape integradas ao para-choque. 

Lá dentro tem acabamento com detalhes em alumínio acetinado e revestimento Sensatec. O painel foi totalmente redesenhado, destacando-se o cluster digital e configurável de 12,3 polegadas, além de display da multimídia BMW ConnectedDrive, que tem Car Play e o SIM Card para serviços online, além de navegador Professional.

O modelo agrega ar-condicionado com três zonas, teto solar panorâmico, acabamento geral em couro, estacionamento automático, bancos dianteiros esportivos com ajustes elétricos, banco traseiro tripartido, abertura e fechamento do bagageiro sem o uso das mãos, alerta de colisão, frenagem automática de emergência, alerta de manutenção de faixa, aviso de tráfego lateral, alerta de tráfego traseiro e ponto cego, seis airbags, pneus Run Flat, monitoramento de pressão dos pneus, entre outros.

Sob o capô

Na versão xDrive30i X-Line, o X3 traz motor 2.0 TwinPower Turbo de 252 cv entre 5.200 e 6.500 rpm com 35,7 kgfm entre 1.450 a 4.800 rpm. Na versão M40i, o propulsor é o seis em linha 3.0 M Performance TwinPower Turbo de 360 cv entre 5.500 e 6.500 rpm, bem como 50,8 kgfm entre 1.520 a 4.800 rpm. O câmbio é automático de oito marchas e a tração é integral, permitindo ao modelo ir de 0 a 100 km/h em 6,3 segundos na xDrive30i e o mesmo em 4,8 segundos no caso do M40i, além de máximas de 240 km/h e 250 km/h, respectivamente.

E o X2?

Uma vez que o momento é voltado à ampliação da gama, a BMW busca também abranger mais público, inclusive aquele com menos idade. O foco nos jovens é o principal motivador para a chegada do X2, marcada ainda para o primeiro semestre, porém sem data definida. O modelo foi mostrado no Salão de Detroit e a marca prefere, por enquanto não revelar o preço dele. O que se sabe é que o X2 andará muito próximo do X1, ou seja, vamos esperar algo dentro dessa faixa.

O resto é mostrado sem dó. O X2 chegará com o motor 2.0 TwinPower Turbo, capaz de entregar 192 cv e 28,5 kgfm de torque, entre 1.350 e 4.600 rpm. O modelo, chamado de SAC (abreviação para Sport Activity Coupé) vem com tração dianteira e o câmbio é o inédito DCG (Dual Clutch Gear), de dupla embreagem, com sete marchas que podem ser acionadas, também, por hastes atrás do volante.

 

Esta tecnologia foi herdada das pistas de corrida e permite realizar trocas de marchas de forma mais rápida e sem interrupção de torque (algo bastante comum, mesmo em modelos com pegada esportiva). 

O resultado dessa tecnologia é que o condutor pode manter o acelerador pressionado enquanto o sistema de gerenciamento da transmissão ajusta os pontos de mudança de maneira precisa, em frações de segundo. De perfil tecnológico e urbano, o X2 sDrive20i M Sport X traz como principais equipamentos faróis Full-LED, assistente de estacionamento (Parking Assistant), câmera de ré e sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, Head-up Display, Novo Connected Drive, nova geração do sistema de Navegação Professional id6 com tela de 8,8 polegadas, sensível ao toque e preparação para Apple CarPlay.

O modelo tem 4,36 m de comprimento, 1,82 m de largura e 2,67 m de entre-eixos e  1,52 m de altura, além de um porta-malas com bons 470 litros. O modelo é feito sobre a plataforma modular UKL, a mesma do BMW X1. 

Veja Mais