Veja algumas das melhores estações de esqui na América do Sul

Temporada de neve terá destaques e novidades nas montanhas de Argentina e Chile

06/03/2018 - 13:45 - Atualizado em 06/03/2018 - 13:46

Com a temporada de inverno prestes a chegar na América do Sul, os amantes de esqui cruzam as fronteiras dos países vizinhos para praticar o esporte. Para ajudar os viajantes a se programarem para as férias de julho, a Teresa Perez Tours reuniu as melhores dicas de Argentina e Chile, dois países que oferecem aos visitantes estações de esqui em verdadeiros paraísos gelados.

Pistas de diversos graus de dificuldades e uma grande variedade de atividades tanto para crianças como para adultos, fazem com que ambos destinos sejam os ideais para os praticantes do esporte e todos aqueles que buscam diversão e entretenimento entre familiares e amigos. 

Esqui é o principal atrativo da capital da Terra do Fogo (Foto: Divulgação)

Argentina

Ushuaia: Capital da Terra do Fogo

Pode se dizer que Ushuaia é a cidade habitada mais austral do mundo, em meio a paisagens deslumbrantes de geleiras, bosques, mar e montanhas. Tendo o esqui como o principal de seus atrativos, a capital da Terra do Fogo conta com uma das estações mais exclusivas da Argentina a 26 quilômetros da cidade e fica a apenas 15 minutos das pistas de Cerro Castor. 

Bariloche: Indicado para toda a família

Considerado um destino bastante tradicional para viajantes os viajantes brasileiros, Bariloche faz da prática do esqui a sua principal atração durante a temporada. Recomendado para todos os públicos, a estação apresenta pistas de vários níveis de dificuldades além de novidades anuais. As novas opções desta temporada incluem 12 canhões de neve para garantir o cenário perfeito, descidas em snow BMX – uma bike sobre pranchas – snow tubing, snowshoeing, snowmobile e trenós. Fora das pistas, a cidade também oferece muitos restaurantes, lojas e um centro temático que renova suas atrações semanalmente, como por exemplo: semana da cerveja ou semana do café.

Villa La Angostura: Estações e parques naturais

Localizada às margens do lago Nahuel Huapi, Villa La Angostura traz uma atmosfera cool e exclusiva. O esqui é destaque na estação de Cerro Bayo. São 25 pistas, 16 meios de elevação, escola infantil de esqui e várias opções de atividades para toda a família. Outros atrativos são os parques nacionais localizados próximos à cidade, como o exuberante Parque Nacional Los Arrayanes. 

Chapelco: Complexo de esqui nível internacional

A Estação Chapelco se encontra em San Martin de Los Andes, uma cidadezinha à beira das águas azuis do Lago Lácar, ideal para passar as férias em família. A estação apresenta um complexo de esqui de nível internacional com uma ótima infraestrutura e belas paisagens. O Cerro Chapelco localiza-se a 1.980 metros acima do nível do mar, contando com 22 pistas com vários níveis de dificuldade, espalhados por 140 hectares. São 5,3 quilômetros de percursos servidos por 11 meios de elevação que podem transportar até 18 mil esquiadores por hora. 

Valle Nevado tem mais de 20 quilômetros de pistas de esqui em muitas dificuldades (Foto: Divulgação)

Chile

Portillo: Tradição na América do Sul

Considerado um dos destinos preferidos dos esquiadores no hemisfério sul, a estação de Portillo é a mais tradicional da América do Sul. A pouco mais de duas horas de carro da capital Santiago, a estação destaca-se pelo cenário em que está inserida: ao redor da bela Laguna del Inca. Famosa pela ótima qualidade da neve e também pela excelente escola de esqui e snowboard, Portillo recebe esportistas e visitantes do mundo todo, atraídos pela sensação de refúgio e possibilidades de aventura. Aos iniciantes, a estação oferece três pistas, El Corralito, El Puma e La Princesa, ideais para aprender e praticar o esporte com segurança e tranquilidade. Já àqueles que dominam melhor o esporte, pistas como Las Lomas e David´s Run, entre muitas outras, trazem mais adrenalina. Os hotéis Tierra Atacama e Portillo oferecem desconto quando combinados em uma mesma viagem, sendo uma oportunidade perfeita para visitar a neve e o deserto em uma única viagem.

Valle Nevado: O melhor dos andes chilenos

Com mais de 20 quilômetros de pistas que apresentam diferentes características e graus de dificuldade, a estação de Valle Nevado está localizado a 3 mil metros de altitude nos Andes chilenos. O entretenimento é garantido em um dos cenários mais encantadores do país. O destino agrada famílias e casais em lua de mel, oferece aulas particulares ou coletivas de esqui que ajudam os visitantes a descobrirem as melhores partes das montanhas geladas. 

Corralco: Esqui, snowshoeing, snowmobile e visitas às termas

Localizada na encosta do Vulcão Lonquimay, a estação de Corralco foi construída dentro de uma reserva protegida e garante excelentes temporadas para a prática de esportes de inverno. A estação proporciona, além do esqui e snowboard, atividades para toda a família, como snowshoeing e trilhas por belos bosques, que podem ser complementadas por excursões de snowmobile e visitas às termas. A novidade é a prática de heliski nos Andes, uma experiência que consiste em embarcar em um helicóptero e pousar no topo de uma pista, em um lugar remoto, a que poucos têm acesso. Esse tipo de atividade garante neve de excelente qualidade, praticamente intocada, além de vistas incríveis.

Chillán: Estação de esqui dentro de um centro termal

As Termas de Chillán são uma estação de esqui dentro de um centro termal, localizada nas encostas do vulcão Nevados de Chillián. Emoldurada por pistas em bosques intocados, a estação é famosa pelo seu spa especializado em tratamentos com águas sulfurosas do vulcão. Chillán é dona da maior pista da América do Sul, a Três Marias, com 13 quilômetros de percurso, que proporciona atividades como heliskiing, circuitos de moto na neve, trenós puxados por cães, e várias alternativas para descanso e relaxamento.

Veja Mais