Dorival Júnior quer igualar marca de Muricy no São Paulo

Ex-técnico é o único no século que começou e terminou a mesma temporada no clube

01/01/2018 - 15:06 - Atualizado em 01/01/2018 - 15:20

Dorival Júnior chegou ao São Paulo no meio de 2017
(Foto: Mauricio Rummerns/Fotoarena/Folhapress)

Dorival Júnior tem contrato até dezembro de 2018 e, caso o cumpra, alcançará um feito histórico neste século. Desde 2001, somente um profissional conseguiu começar e terminar uma temporada como técnico do São Paulo: Muricy Ramalho, que atingiu a continuidade em suas duas passagens mais recentes pelo clube.

A última vez em que não houve mudança no comando da comissão técnica ao longo de uma temporada ocorreu em 2014, com Muricy, que tinha voltado ao clube em 2013 e saiu nos primeiros meses de 2015. Antes, o hoje comentarista do Sportv esteve por três anos e meio no clube, durante o tricampeonato brasileiro, entre 2006 e 2008, deixando a equipe no meio de 2009.

Fora Muricy Ramalho, o último treinador que começou e terminou um ano no Tricolor foi Levir Culpi, em 2000, ainda no século passado. De lá para cá, incluindo Muricy, Dorival e os interinos Milton Cruz, Sérgio Baresi, André Jardine e Pintado, foram 21 técnicos em 17 temporadas, alguns deles com duas passagens, como Emerson Leão e Ricardo Gomes.

Com Carlos Augusto de Barros e Silva na presidência, desde outubro de 2015, o clube teve oito técnicos diferentes em pouco mais de dois anos. Leco deixou a equipe sob os comandos de Doriva, Edgardo Bauza, Ricardo Gomes, Rogério Ceni e Dorival Júnior, além dos interinos Milton Cruz, André Jardine e Pintado.

A seu favor, Dorival Júnior conta com o desempenho à frente do time. Assumiu a equipe em julho, na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, mas o Tricolor, que terminou o primeiro turno entre os quatro últimos colocados, fez a quinta melhor campanha do segundo turno, somando 31 dos 57 pontos possíveis. Com o treinador, são 26 jogos, dez vitórias, nove empates e sete derrotas — aproveitamento de 50%.

Veja Mais