Santos barra Rodrygo, joia da base, após renovação de contrato emperrar

Atacante negocia desde o começo do ano seu primeiro contrato profissional com o Peixe

19/06/2017 - 15:43 - Atualizado em 19/06/2017 - 15:59

Jovem está afastado da equipe desde o dia 3 de junho, após a partida diante da Portuguesa Santista
(Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)

Rodrygo, tido como joia da base do Santos, foi barrado da equipe sub-17 há dois jogos. A ordem veio da direção do Peixe. O motivo é a insatisfação dos dirigentes com as negociações do primeiro contrato profissional do atleta.

A informação, publicada pelo site Uol Esportes, foi confirmada por A Tribuna On-line junto à integrantes da diretoria santista.

Antes mesmo do atleta completar 16 anos, o que aconteceu em janeiro de 2017, o Peixe já tentava costurar o acordo com a família e os representantes do atacante, mas sem sucesso. No entanto, as conversas se arrastaram por meses.

Os pedidos do estafe da joia pesaram para a negociação travar. Os representantes querem, entre outras coisas, um plano de carreira, aumentos salariais anuais e bonificações. Também argumentam que o atleta tem proposta do Liverpool, da Inglaterra. 

Diante disso tudo, não houve avanços significativos. Assim, a diretoria o barrou.

Procurados por A Tribuna On-line, os representantes do atleta não nos deram uma posição da situação.

Neste ano, o atacante disputou oito partidas oficiais, todas válidas pelo Campeonato Paulista Sub-17, e marcou cinco gols. A última vez que esteve em campo foi no clássico das praias diante da Portuguesa Santista, no Ulrico Mursa, no último dia 3 de junho.

Veja Mais