Oposição pede ao Gaeco investigação sobre novos sócios

Matéria feita pela ESPN sobre 'boom' de sócios incentivou oposicionistas a entrar na Justiça

07/12/2017 - 18:19 - Atualizado em 07/12/2017 - 19:01

Mesmo pedindo investigação, ideia do grupo não é de barrar o pleito deste sábado (Foto: Ricardo Saibun/SFC)

As chapas de oposição do Santos querem que o Grupo de Apoio Especializado de Combate ao Crime Organizado de Santos (GAECO) abra uma investigação sobre o 'boom' de novos sócios do clube, revelado através de uma matéria da ESPN, feita na última semana.

Andrés Rueda, Nabil Khaznadar e José Carlos Peres concederam uma entrevista coletiva nesta quinta-feira (7), em Santos, para anunciarem que o pedido de investigação já foi encaminhado à polícia. Porém, o grupo explicou que a única prova existente é exatamente a reportagem que motivou a denuncia.

Por fim, os candidatos colocam que não têm interesse em barrar a eleição, marcada para o próximo sábado (9). Mas querem que todo o pleito seja acompanhado de perto pelas autoridades.

"Queremos que as eleições sejam feitas no dia 9. Torcedor merece que seja mantida. Estamos preparando fiscais, mesários, estamos preparados para tudo. A investigação caberá a GAECO e MP. Não queremos deixar isso para depois. Não deixaremos acontecer no Santos o que aconteceu no Vasco. Não queremos o Vasco - O Retorno. Santos é muito maior, tomamos a lição. Uma pessoa coloca o Santos negativamente nas manchetes. Isso é lamentável", disse Nabil.

Veja Mais