Carga viva: Santos multa empresa em R$ 1,4 milhão por maus-tratos

Cerca de 27 mil animais chegaram a Santos entre a última sexta (26) e esta terça-feira (30)

30/01/2018 - 18:53 - Atualizado em 30/01/2018 - 20:54

Força-tarefa da Semam ocorreu no último final de semana em Santos (Foto: Raimundo Rosa/PMS)

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam) de Santos multou a empresa Minerva Foods em R$ 1.469.118,00 por irregularidades no transporte de carga viva para o Porto de Santos. De acordo com a Prefeitura, a medida é resultado da força-tarefa que, no último final de semana, vistoriou e fotografou dezenas de caminhões que transportaram gado para embarque ao exterior.

A fiscalização, que contou com a presença de veterinário, constatou que houve maus-tratos aos animais durante o transporte, infringindo o Código de Posturas (3531/68), em seu artigo 300, incisos 11 e 15.

De acordo com a Prefeitura, durante a fiscalização, foi constatado que os animais estavam estressados, excessivamente cansados e que as carrocerias dos caminhões usados no transporte dos animais estavam mal ventiladas.



Ainda segundo a Administração Municipal, a empresa também infringiu o artigo 10 do Código de Posturas ao despejar dejetos animais em via pública, contaminando a rede de drenagem.

Cerca de 27 mil animais chegaram a Santos entre a última sexta-feira (26) e esta terça-feira (30), quando está previsto o encerramento do embarque.

Resposta

Procurada, a Minerva Foods informou que, ''em seu processo para exportação de bois vivos, o manejo do gado segue todos os procedimentos adequados para preservar o bem-estar dos animais durante o embarque e no decorrer da viagem até o destino, sendo certo que os veículos utilizados no transporte até o Porto são lavados e desinfetados antes do carregamento, com produtos aprovados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)''.

Veja Mais