Alckmin e Márcio França confirmam participação no16º Santos Export Brasil

Evento, que debaterá o futuro do Porto, começa nesta segunda (10) às 18 horas

10/09/2018 - 08:25 - Atualizado em 10/09/2018 - 13:37

Um dos painéis abordará questão da renovação das concessões ferroviárias (Foto: Luigi Bongiovanni/AT)

Os avanços tecnológicos para o ganho de eficiência nos complexos portuários, as novas regras para o desenvolvimento da atividade e o futuro do marco regulatório do setor portuário estão entre os temas que serão debatidos a partir desta segunda-feira (10), na 16ª edição do Santos Export Brasil - Fórum Internacional para a Expansão do Porto de Santos. O evento começa às 18 horas e será realizado no Mendes Convention Center. Para a abertura estão confirmadas as presenças do candidato à Presidência, Geraldo Alckmin (PSDB) e do candidato ao governo do Estado de São Paulo, Márcio França (PSB). 

O Santos Export Brasil 2018 é uma iniciativa do Grupo Tribuna e uma realização da Una Marketing de Eventos. Na abertura do seminário, participarão autoridades federais e regionais e lideranças empresariais. Entre eles, estão o secretário nacional de Portos do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Luiz Otávio Campos, e o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Mário Povia.

Campos será o primeiro palestrante desta terça-feira (11). Em sua apresentação, o executivo abordará as principais ações do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPAC) no fomento ao desenvolvimento do setor portuário.

Também para terça, estão programados os painéis de debates. Além do marco regulatório, serão discutidas as novidades tecnológicas que podem ampliar a eficiência nos complexos, tanto na operação de terminais quanto na navegação e no transporte terrestre de cargas.

Marco regulatório

Em seguida, às 10h10, serão iniciadas as discussões sobre o marco regulatório do setor portuário. A legitimidade do Decreto 9.048, alvo de investigações por causa de suspeitas de favorecimento a empresas do Porto de Santos, e as oportunidades criadas por essa legislação estarão no centro dos debates, assim como o futuro das regras portuárias.

O diretor de Departamento de Outorgas Portuárias da Secretaria de Portos do MTPAC, Ogarito Linhares, o diretor-presidente da Santos Brasil, Antonio Carlos Sepúlveda, e o representante do Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo (Sopesp), Clythio Buggenhout serão os responsáveis por este debate. Todas as discussões serão mediadas pelo editor de Porto & Mar, Leopoldo Figueiredo.

Após um intervalo, o tema continuará a ser discutido. Porém, às 11h30, serão debatidas propostas de novas normas para o desenvolvimento do setor, a política portuária a ser adotada no próximo ano e o papel do Legislativo e do Executivo no crescimento portuário.

Além de Povia, o diretor-presidente da Sammarco Advocacia, Marcelo Sammarco, e o diretor-presidente da Brasil Terminal Portuário (BTP), Antonio Passaro, serão os debatedores. 

Tecnologia

O terceiro painel do evento, às 14h30, abordará os avanços tecnológicos para o ganho de eficiência nos portos, as novas tecnologias e oportunidades que devem surgir no setor portuário nos próximos anos. Os desafios dos portos 4.0 também estarão no centro das discussões.

Entre os debatedores, estarão o gestor do VTMIS da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), Marcelo Villas Bôas, o diretor-presidente da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), Luis Claudio Santana Montenegro, o diretor de Desenvolvimento de Negócios do Brasil, Hyperloop Transportation Technologies, Ricardo Penzin, o Líder de IoT (Internet of Things, ou internet das coisas, em tradução livre) na IBM América Latina, Carlos Tunes, o coordenador-geral de Normas e Facilitação de Comércio do Departamento de Competitividade no Comércio Exterior (Decoe) Felipe Caixeta, e o presidente da Praticagem de São Paulo, Nilson Ferreira dos Santos.

Logística

Por fim, às 16h30, será iniciado o último painel do evento, que vai abordar a logística nas operações portuárias. E, neste contexto, os investimentos nos acessos estarão no centro das discussões entre o diretor da Antaq, Adalberto Tokarski, o gerente da Unidade Regional de São Paulo da Agência nacional de Transportes Terrestres (ANTT), o diretor da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários (ANTF), Fernando Simões Paes, o representante da Bandeirantes Logística Integrada, Washington Flores, e o presidente em exercício da Federação Nacional das Indústrias (Fiesp), Ricardo Roriz Filho.

Os participantes abordarão a renovação das concessões ferroviárias, as vias rodoviárias em direção aos complexos marítimos e as alternativas para o transporte hidroviário e de logística portuária.

Veja Mais