Três homicídios marcam o sábado na região

Dois crimes aconteceram em Vicente de Carvalho e outro em São Vicente

21/04/2018 - 22:30 - Atualizado em 22/04/2018 - 12:08

Três homens morreram baleados em menos de cinco horas em Guarujá e São Vicente, durante a manhã deste sábado (21).  Em Guarujá, Renato Batista dos Santos, conhecido como Nego Renato, de 44 anos, morreu na hora com um tiro na cabeça. Ele era antigo conhecido da polícia e tinha passagem inclusive por roubo a banco. 

Nego Renato foi alvejado na Rua Biguá, no Pae Cará, em Vicente de Carvalho, por volta de meio-dia. Segundo populares, ele conversava com Michael Oliveira Santos, de 18 anos, que estava na porta de casa e também morreu.

Dois indivíduos não identificados passaram em uma moto e atiraram, acertando os dois. Michael chegou a ser socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhado ao Pronto-Socorro São João, mas não resistiu.

Conforme apurado pela Reportagem, o duplo homicídio teria ligação com uma briga entre facções, já que, segundo a Polícia, Nego Renato seria integrante do PCC. O caso foi registrado na Delegacia Sede de Guarujá. 

São Vicente

Na manhã de ontem, às 7h30, o ajudante Kaue da Silva Abrantes, de 21 anos, também foi morto por um tiro no tórax na Avenida Wilson Tomás, no Dique do Caxeta, na Vila Jóquei Clube.

Ele foi levado para o Pronto-Socorro da Zona Noroeste por populares. Mas, por conta do seu grave estado de saúde, Kaue foi encaminhado à Santa Casa de Santos, onde morreu. 

A polícia apurou que ele foi atingido durante um baile funk. Ninguém foi preso. Até o fechamento desta edição, não havia outros detalhes sobre o caso. A ocorrência foi registrada na Delegacia Sede de São Vicente. 

Veja Mais