Menores se rebelam e fazem reféns na Fundação Casa de Santos

Ao menos três agentes socieducativos ficaram sob o poder dos menores

19/06/2017 - 17:09 - Atualizado em 19/06/2017 - 17:36

Um grupo de adolescentes da Fundação Casa de Santos, no Monte Cabrão,  tentou fugir e provocou um tumulto por volta das 12h30 desta segunda-feira (19). Ao menos, três agentes socioeducativos foram feitos reféns.  A situação só foi controlada por volta das 16h30. 

De acordo com a assessoria da Fundação, pelo menos quatro jovens conseguiram escapar e os que foram contidos pelos funcionários deram início a um tumulto.  Durante a confusão, três servidores foram feitos reféns. Um deles foi liberado logo no início e os outros dois deixaram o local no fim do tumulto. Todos eles passam bem. 

A Polícia Militar foi acionada para dar apoio na área externa do centro e fazer buscas na região. Até o momento, nenhum jovem foi recapturado.

O local tem capacidade para atender 64 adolescentes e estava com 59. Os jovens que participaram do tumulto e aqueles que forem recapturados passarão por uma Comissão de Avaliação Disciplinar (CAD), que vai avaliar as possíveis sanções. O Poder Judiciário e os familiares dos adolescentes serão informados da ocorrência.

Para controlar a situação, foram mobilizados equipes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O helicóptero Águia também participou da operação. 

Na noite do último sábado, seis internos fugiram da Fundação Casa em Guarujá. Até o momento, ninguém foi capturado. 

Confusão na Fundação Casa teve início na tarde desta desta segunda-feira (Foto: Divulgação/ Via WhatsApp)

Veja Mais