Jornalista é encontrado próximo à Praça da Biquinha, em São Vicente

Jean Sgarbi, de 25 anos, era dado como desaparecido desde a última quarta-feira

24/10/2017 - 20:41 - Atualizado em 24/10/2017 - 23:10

A princípio, polícia acredita que Jean não foi 
 vítima de crime (Reprodução/Facebook)

O jornalista Jean Sgarbi, de 25 anos, foi encontrado próximo à Praça da Biquinha, em São Vicente, após ser dado como desaparecido na última quarta-feira (18), quando entrou em contato com a família pela última vez para informar que estava em um shopping e voltaria para casa em seguida, o que não aconteceu.

Segundo a mãe, Miriam Sgarbi, o filho contou que dormiu no meio do mato próximo à Ponte Pênsil e ao acordar começou a andar, no sentido da biquinha. "Ele viu um prédio, lembrou que um casal de amigos morava no local e resolveu ir até lá. Uma amiga desse casal, que também estava de visita, ajudou o Jean a entrar no apartamento". 

Miriam conta que o momento é de uma alegria muito grande e que a família foi avisada por esses conhecidos do jornalista. "Ele disse que não tem noção do que aconteceu, apenas que dormiu e acordou. A depressão profunda e o surto psicótico causam isso. Nos contou que não sabe o que se passou durante todos esses dias. Graças a Deus ele voltou e está bem", fala aliviada. "A paz retornou". 

Após chegar em casa, Jean publicou um vídeo no Facebook agradecendo a todos pelo apoio e a força dada à família. 

A Polícia Civil informou que o delegado tomará o depoimento do jornalista nos próximos dias. A princípio, os policiais não acreditam que o rapaz  tenha sido vítima de crime. 

Confira o vídeo postado por Jean, em sua página no Facebook, na noite desta terça-feira. 

O caso

Produtor em uma rede de TV na Baixada Santista, ele teria ido trabalhar somente na segunda-feira (16), segundo a sobrinha Carolina Sgarbi. De acordo com ela, o jornalista mora com os pais e nunca tinha ficado tanto tempo sem dar notícias.

No domingo (22), o carro de Jean foi localizado no estacionamento de um motel, no Parque Bitaru, em São Vicente, próximo à Ponte Pênsil. Dentro do automóvel, um Escort azul, estavam todos os documentos pessoais dele e o chip do celular. 

Os funcionários do estabelecimento disseram à família que o jornalista se hospedou sozinho na noite de quarta-feira (18) e ficou até o dia seguinte, quando teria dito que não estava com o dinheiro completo da hospedagem e, por isso, sairia para pegar mais.

Como garantia, de que voltaria para pagar pelo quarto, o jovem disse o carro dele permaneceria no estacionamento. No entanto, não voltou mais. 

Veja Mais