Bandido é morto em troca de tiros com a polícia em Cubatão

Além de um revólver calibre 38, ele portava um saco contendo 370 gramas de maconha, segundo os PMs

14/12/2017 - 20:55 - Atualizado em 14/12/2017 - 21:46

Rafael Borges Rodrigues, de 24 anos, morreu ao trocar tiros com policiais militares, às 18h45 de quarta-feira, em Cubatão. Além de um revólver calibre 38, o rapaz portava um saco contendo 370 gramas de maconha, segundo os PMs.

O confronto aconteceu durante operação realizada na Avenida Engenheiro Plínio de Queiroz, no Distrito Industrial, por policiais da Força Tática e das Rondas Ostensivas com o Apoio de Motocicletas (Rocam) do 21º BPM/I.

A ação policial tinha por objetivo reprimir crimes em geral, em especial o tráfico de drogas. Ao perceber a chegada das viaturas e motocicletas da PM, Rafael fugiu com uma arma de fogo na mão e um saco, que logo jogou no chão.

Conhecido por Fiel, de acordo com os policiais, o rapaz atravessou a avenida e se embrenhou em um matagal, sendo perseguido por dois PMs. Orientando-se pelo rastro de vegetação amassada, os patrulheiros chegaram nas imediações de um córrego, onde o acusado os recebeu a tiros, sem atingi-los.

Os policiais portavam pistolas calibre .40 e revidaram com 11 disparos, acertando nove em Fiel. O marginal caiu parcialmente no córrego, dentro do qual foi recuperado o seu revólver. Da marca Taurus, a arma continha no tambor cinco cartuchos deflagrados.

Os policiais providenciaram a remoção de Fiel ao Pronto-Socorro Central de Cubatão, onde ele já chegou morto. No saco dispensado pelo rapaz havia dois pedaços de maconha. O caso foi registrado pelo delegado Pedro Augusto Losada Correia.

Veja Mais