Analista de sistema é preso após mostrar pênis para passageira em Santos

Caso aconteceu no coletivo da Viação Rápido Brasil. Da linha Santos-São Paulo, o ônibus transitava pela Avenida Conselheiro Nébias

13/06/2018 - 18:07 - Atualizado em 13/06/2018 - 18:11

Um analista de sistemas casado e com 45 anos de idade foi detido dentro de um ônibus, em Santos, porque abaixou a calça e começou a exibir o pênis para uma passageira.

O episódio aconteceu na quinta-feira (7) da semana passada no coletivo prefixo 999 da Viação Rápido Brasil. Da linha Santos-São Paulo, o ônibus transitava pela Avenida Conselheiro Nébias.

Uma estudante de 24 anos viajava no veículo. Ela disse que o analista de sistemas caminhou pelo veículo e sentou-se na direção dela, do outro lado do corredor. Quando ainda estava de pé, o acusado já se encontrava com o pênis fora da calça, ainda segundo a jovem.

Depois que se sentou, o analista de sistemas abaixou a calça e passou a manipular o membro, não demorando para se dirigir ao banheiro do coletivo, localizado no fundo. Ao retornar, o acusado continuava com o pênis fora da calça, motivando a estudante a gritar.

A reação da jovem motivou o analista de sistemas a fechar logo o zíper, mas outra passageira testemunhou a conduta dele. Ao ser detido, o acusado alegou a um policial militar que estava acostumado a agir dessa maneira, mas nunca havia sido preso antes.

Conduzido à Central de Polícia Judiciária (CPJ), o analista de sistemas foi liberado após o delegado Edmilson Sanches determinar a elaboração de termo circunstanciado (TC) de “ato obsceno”. O caso será apreciada pelo Juizado Especial Criminal (Jecrim). 

Veja Mais