Peruíbe reforça vacinação contra a febre amarela, após identificar dois macacos mortos

Os animais foram encontrados nos bairros de Guaraú e Barra do Una

05/03/2018 - 18:20 - Atualizado em 05/03/2018 - 22:07

Moradores do bairro Guaraú, em Peruíbe, identificaram dois macacos bugios mortos na noite de sexta-feira (2), em uma área de mata, próximo a uma cachoeira. A Prefeitura constatou essa informação ao chegar ao local na tarde do dia seguinte, quando encontrou os animais enterrados.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Antonio Carlos Abude, os bichos estavam em alto grau de decomposição, o que impediu a coleta das vísceras e do fígado, que poderia indicar com mais precisão se ambos tinham contraído o vírus da febre amarela.

"Coletamos apenas um pedaço de musculatura de um dos membros dos animais para tentar fazer esse exame no Instituto Adolfo Lutz. Não temos certeza se será possível realizar esse teste para confirmar se os macacos estavam infectados com a febre amarela", explicou.

Diante dessa situação, a Administração Municipal intensificou, a partir desta segunda-feira (05), a imunização dos cerca de 3 mil moradores daquela região, que se estende até Barra do Una - 32 quilômetros do Centro da Cidade.

Até sexta-feira (09), a unidade básica de saúde (UBS) do Guaraú estará fazendo a vacinação, das 8 às 16 horas.

Nesta terça-feira (06), das 8 às 15 horas, será possível tomar uma dose no Posto Comunitário de Barra do Una.

"Cerca de 100 pessoas moram em Barra do Una, que fica em uma área mais para dentro da mata, na direção sul. A maioria delas já está protegida. Nesta terça-feira, vamos fazer busca ativa na mata, em estradas de difícil acesso e nos rios para tentar localizar famílias em áreas mais afastadas, com o apoio da Fundação Florestal", afirmou o secretário. 

Quarta-feira (07), das 8 às 15 horas, e no sábado, das 8 às 16 horas, uma equipe volante de vacinação estará circulando pelo Parque Serra do Mar, na divisa com Itariri. Na sexta-feira (08), das 8 às 15 horas, será possível procurar o posto comunitário do Bananal.

Até o próximo dia 16, das 8 às 16 horas, os moradores da Cidade poderão se imunizar nos seguintes locais: Casa da Mulher e nas UBS do Caraguava, Parque do Trevo e Veneza.

"É importante que a população se proteja contra a febre amarela. Não devemos esperar o pior acontecer com alguém para se vacinar", ressaltou Abude. 

Um dos animais foi encontrado no bairro Guaraú (Foto: Divulgação/TV Tribuna)

Outras mortes

Desde dezembro, seis macacos saguis foram encontrados mortos no Município. Todos foram encontrados em regiões urbanas com sinais de violência, segundo o secretário de Saúde. Nenhum deles estava com febre amarela.

Em Itanhaém, também foi identificado um animal morto este ano, mas, devido às condições do cadáver, não foi possível coletar a amostra.

A Prefeitura de Santos aguarda o resultado da confirmação do caso de febre amarela referente a um macaco que veio a falecer, no dia 21 do mês passado, no Morro Santa Terezinha.

Veja Mais