Sem Messi, lista de finalistas do prêmio da Uefa têm Ronaldo, Modric e Salah

Premiação costuma valorizar a performance dos jogadores na Liga dos Campeões

20/08/2018 - 11:38 - Atualizado em 20/08/2018 - 11:41

Cristiano Ronaldo é o favorito para levar o prêmio
(Foto: Getty Images)

Sem a presença de Lionel Messi, a Uefa anunciou nesta segunda-feira a lista dos finalistas do prêmio de melhor jogador da Europa. E a briga ficará entre o volante Luka Modric, do Real Madrid, o atacante Mohamed Salah, do Liverpool, e o também atacante Cristiano Ronaldo, por sua performance no Real na temporada passada, antes de sua transferência para a Juventus. Neymar não foi incluído nem na lista dos dez melhores.

Cristiano Ronaldo entra na disputa mais uma vez como favorito. Ele é o atual vencedor do prêmio. Mas venceu também em 2013/14 e 2015/16. Ele chegará novamente embalado pelo título da Liga dos Campeões, obtido com o Real Madrid, tricampeão da competição. 

O prêmio da Uefa costuma valorizar a performance dos jogadores na Liga dos Campeões, principal torneio do continente. E, na temporada passada, Cristiano Ronaldo foi mais uma vez o artilheiro da competição, pela sexta vez consecutiva. Na Copa do Mundo, o atacante português e sua seleção foram eliminados nas oitavas de final.

O Mundial da Rússia é o grande trunfo de outro finalista. Modric foi vice-campeão com a seleção da Croácia. Além disso, foi eleito o melhor jogador do grande evento. Pelo Real, ajudou a levar o time espanhol ao tricampeonato da Liga dos Campeões, ao lado de Cristiano Ronaldo.

Mohamed Salah, por sua vez, apostará em suas performances pelo Liverpool na competição de clubes. Liderando o poderoso ataque da equipe inglesa, Salah ajudou o time a chegar à final - o Liverpool foi batido pelo Real por 3 a 1, na decisão, no fim de maio. Pelo time, ainda foi o artilheiro e melhor jogador do Campeonato Inglês. Mas na Copa do Mundo ele decepcionou junto com a seleção do Egito, eliminada na fase de grupos.

Os demais colocados da lista do Top 10 da Uefa já foram divulgados, nesta segunda. O quarto lugar ficou com o francês Antoine Griezmann, destaque do Atlético de Madrid, campeão da Liga Europa, e da seleção francesa, mais nova campeã mundial. Lionel Messi precisou se contentar com o quinto posto, após ir mal com o Barcelona na Liga dos Campeões. O time catalão foi eliminado nas quartas de final.

Fora da lista, o brasileiro Neymar viu o companheiro Kylian Mbappé, do Paris Saint-Germain e da seleção francesa, ficar com o sexto lugar. A relação tem ainda o belga Kevin De Bruyne (7º), o francês Raphael Varane (8º), o belga Eden Hazard (9º) e o espanhol Sergio Ramos (10º).

Os três finalistas, e os demais colocados da lista do Top 10, foram definidos por votação dos treinadores dos times que disputaram a última edição da Liga dos Campeões e também por jornalistas convidados.

A premiação acontecerá na próxima semana, no dia 30, durante a cerimônia do sorteio das chaves da nova edição da Liga dos Campeões, em Mônaco.

Veja Mais