Portuguesa Santista terá duas mulheres em seu Conselho Deliberativo

Pela primeira vez em quase 100 anos da história do Clube, somente uma mulher tinha feito parte da composição

24/09/2017 - 15:33 - Atualizado em 24/09/2017 - 15:57

Gisele Fernandes tem orgulho de fazer parte do Conselho (Foto: Claudio Vitor Vaz (A Tribuna)

Pela primeira vez em quase 100 anos de história do clube, o Conselho Deliberativo da Portuguesa Santista terá duas mulheres em sua composição. No último dia 12, a analista administrativa Nathalie Nogueira dos Santos, de 29 anos, e a advogada Gisele Fernandes do Prado, 36, fizeram parte da chapa 100% Briosa, candidata única e eleita por aclamação. 

Em formações anteriores do Conselho, apenas uma mulher havia feito parte do órgão. Protagonistas do feito inédito, as duas, que não se conheciam, se mostram orgulhosas. E agora têm planos em comum para fazer valer a voz feminina nas decisões do clube. 

“Pensei um pouquinho, porque não é brincadeira, é um clube que tem 100 anos de história. São decisões que a gente tem que participar, estar por dentro dos assuntos. Foi o que mais me atraiu, estou no clube praticamente todos os dias, por que não fazer parte disso?”, diz Nathalie. 

Sem descendência portuguesa, ela passou a frequentar a agremiação há dois anos. Depois de se tornar sócia, Nathalie conheceu o Rancho Folclórico da Portuguesa Santista, grupo de dança tradicional, do qual passou a fazer parte. 

“Nos jogos de 2016 (Campeonato Paulista da Segunda Divisão, torneio em que a Briosa foi campeã), eu ficava na barraca do Rancho vendendo artigos da Portuguesa. E fui acompanhando um pouco do futebol”, conta.

Centenário à vista 

Neta de portugueses, Gisele frequenta o clube desde a infância. “Fui sócia na infância e na juventude, aprendi a nadar na piscina da Portuguesa. Depois me afastei um pouco por causa da maternidade, mas voltei há dois anos. Levo sempre minha filha ao clube”.

 

Convidada por amigos, a advogada não titubeou ao receber o convite para integrar a chapa. Agora, é uma das duas mulheres entre os 88 conselheiros (53 eleitos, 13 deles pela primeira vez, além dos 35 membros efetivos). 

“A gente tá tentando participar o máximo possível. A primeira vez a gente fica analisando o ambiente, as questões, o que podemos propor para melhorar o clube. Com certeza vamos ter uma participação bem ativa”, aposta. 

Em uma sequência de eventos, a partir de outubro, em comemoração ao centenário do clube, que será completado no próximo dia 20 de novembro, Gisele está engajada em levar mais pessoas para conhecer os encantos da Briosa.

"A Portuguesa tem muita história, está em ascensão e espero que fique cada vez melhor. Temos vários eventos programados e pretendo me envolver muito mais nessa questão, levando mais público ao clube”.

Veja Mais