Hamilton garante a pole e comanda dobradinha da Mercedes

O inglês levou a melhor na disputa com o finlandês Bottas, e garantiu a pole para a oitava etapa

23/06/2018 - 12:47 - Atualizado em 23/06/2018 - 12:55

Hamilton (centro) ao lado de Bottas, da Mercedes (esq.) e Vettel, da Ferrari (Foto: Gerard Julien/AFP)

As Mercedes dominaram o treino classificatório deste sábado (23) e garantiram a dobradinha para o GP da França de Fórmula 1. O inglês Lewis Hamilton levou a melhor na disputa com seu companheiro, o finlandês Valtteri Bottas, e garantiu a pole position para a oitava etapa da temporada.

Faltando poucos segundos para o término do Q3, Bottas chegou a cravar a volta mais rápida. Mas Hamilton veio logo atrás e, com o cronômetro zerado, fez o melhor tempo em 1min30s029, 0s118 mais rápido do que o finlandês.

Sem forças para competir com a Mercedes, restou ao alemão Sebastian Vettel colocar a Ferrari em terceiro lugar no grid. O tetracampeão largará ao lado do holandês Max Verstappen, da Red Bull. 

A quinta colocação ficou com o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, que terminou o classificatório à frente do finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari. O espanhol Carlos Sainz Jr, da Renault, largará em sétimo.

A oitava colocação ficou com o principal destaque do classificatório, o monegasco Charles Leclerc. Cotado para um lugar na Ferrari na próxima temporada, ele surpreendeu nas duas partes iniciais do treino e levou a Sauber ao Q3. O dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas, sairá em nono, e seu companheiro de equipe, o francês Romain Grosjean completará a lista dos dez primeiros.

Grosjean nem conseguiu dar a primeira volta no Q3. Logo no início, ele rodou e ficou sem marcar o tempo final. O classificatório começou com tempo seco, mas durante o Q2 a chuva voltou a cair no circuito de Paul Ricard, assim como aconteceu nas sessões de treinos livres.

As Mercedes não chegaram a ser ameaçadas pelos outros carros do grid. Hamilton dominou toda a atividade e teve como único concorrente Bottas. A surpresa negativa mais uma vez foram os carros da McLaren, que pararam logo no Q1.

O espanhol Fernando Alonso, que vinha de vitória nas 24 Horas de Le Mans na semana passada, voltou para a realidade na Fórmula 1 e largará em 16º. Seu companheiro, Stoffel Vandoorne, sairá logo atrás. O holandês ganhou uma posição no grid, porque o neozelandês Brendon Hartley foi punido pela troca de motor e sairá em último.

Veja Mais