Gabriel minimiza jejum de gols no Santos e exalta atuação participativa

Atacante está há sete jogos sem marcar pelo alvinegro

15/04/2018 - 07:39 - Atualizado em 15/04/2018 - 12:48

Gabigol se esforçou em campo, mas não conseguiu quebrar jejum (Foto: Ale Frata/Folhapress)

Embora o Santos tenha estreado com vitória no Campeonato Brasileiro, o duelo com o Ceará não foi tão positivo para Gabriel Barbosa. Afinal, o atacante voltou a passar em branco no triunfo no estádio do Pacaembu, na noite deste sábado, e completou o sétimo duelo seguido sem gols pelo clube. Mas ele buscou minimizar a o jejum. "O gol vai sair, é questão de tempo" afirmou, em entrevista ao Première. 

Embora tenha tentado adotar um discurso de tranquilidade, Gabriel pareceu exibir incômodo em alguns momentos do duelo com o Ceará, buscando eventualmente a jogada individual. Mas ele também foi importante no segundo gol marcado pelo Santos, de Rodrygo, ao conseguir uma roubada de bola na origem do lance, que teve assistência de Eduardo Sasha e aconteceu no início do segundo tempo. 

"Independentemente da data, é importante sempre dar o máximo pelo Santos. E o mais importante é a vitória. O gol logo vai sair. Se formos ver, os dois gols nasceram de jogadas que passaram pelos meus pés e isso também é importante. Estou feliz pela minha participação", afirmou. 

Gabriel acertou o seu retorno ao Santos no começo desta temporada, cedido por empréstimo pela Inter de Milão. O atacante marcou quatro gols nos quatro jogos iniciais nessa volta ao time mas agora não balança as redes desde 25 de fevereiro. 

O triunfo sobre o Ceará encerrou um tabu no Santos, que não vencia uma partida pela primeira rodada do Brasileirão desde 2005. E o fim da série negativa foi destacado por Gabriel. "Começar vencendo é sempre importante", comentou. 

Após passar pelo Ceará, o Santos voltará a jogar no próximo sábado. Pela segunda rodada do Brasileirão, o time vai visitar o Bahia, na Fonte Nova.

Veja Mais