Seduc de Praia Grande divulga edital para concorrer a bolsas de estudo

As inscrições começam no próximo dia 11

02/01/2018 - 17:53 - Atualizado em 02/01/2018 - 20:42

Bolsas de até 100% estão em disputa
(Foto: Divulgação/ Prefeitura de Praia Grande)

O edital que determina as diretrizes que pais e responsáveis devem seguir para concorrer à bolsa de estudos para escolas particulares de Praia Grande foi divulgado pela Secretaria de Educação (Seduc) nesta terça-feira (2).

O início da pré-inscrição do processo ocorrerá entre entre 11 a 17 de janeiro. Vinte instituições estão conveniadas à iniciativa. Interessados terão que acessar o site Cidadão PG e preencher a ficha de cadastro.

Existem dois tipo de bolsas disponível nesta oportunidade. As bolsas parciais (50% do valor da anuidade escolar), para alunos de Educação Infantil, ensinos Fundamental e Médio, e as integrais, para estudantes/atletas do Ensino Fundamental e Médio, que representam a Cidade por meio de seleções coordenadas pela Secretaria de Esporte e Lazer (Seel).

A entrega completa da documentação exigida no edital, nos dias 22 e 23 de janeiro, das 9 às 16 horas é o requisito obrigatório para poder efetuar a inscrição. Para a bolsa de estudos parcial, a entrega da documentação ocorrerá na Seduc, localizada na Rua José Borges Neto, 50, Bairro Mirim. Com relação à bolsa integral, a documentação deverá ser entregue na sede da Seel situada na Rua João Balbino Correa, s/nº, Tupiry. 

Confira abaixo a lista completa dos documentos

- Ficha de inscrição e declaração de veracidade devidamente preenchidas;

- Comprovante de residência, no nome do candidato ou de um de seus responsáveis legais;

- RG do responsável legal;

- RG ou certidão de nascimento do candidato e dos demais dependentes menores de dezoito anos.

- Título de Eleitor do Município de Praia Grande do responsável legal do candidato;

- Comprovante de rendimento familiar e cópia do holerite referente à no máximo dois meses anterior a solicitação do benefício;

- No caso de trabalhador autônomo, deverá apresentar declaração de renda contendo nome, atividade exercida e média do rendimento mensal, com firma reconhecida em cartório;

- Para cada pessoa que possua renda, e residir com o candidato, deverá o responsável legal apresentar o comprovante de renda referente àquela pessoa;

- Contrato de locação, contrato de compra e venda ou escritura do imóvel que a família residir;

- As pessoas que moram em casa própria poderão apresentar a capa do carnê do Imposto Predial Territorial Urbano – IPTU em substituição à escritura ou ao contrato de compra e venda, desde que esteja no nome de um dos responsáveis do candidato;

- No caso do candidato morar em imóvel alugado e não possuir contrato de locação, trazer declaração de aluguel, com firma reconhecida, contendo o nome do locador, endereço da locação, nome do locatário e cópia do recibo de pagamento de aluguel do último mês;

- Se o contrato de locação estiver vencido, deverá apresentar o contrato e a cópia do recibo de pagamento de aluguel do último mês;

- Caso o imóvel seja cedido, o responsável legal deverá apresentar declaração com o endereço do imóvel, o nome do proprietário e o nome da pessoa para qual o imóvel foi cedido e a duração da cessão, com firma reconhecida em cartório do proprietário do imóvel;

- Em caso de zeladoria, o responsável legal deve apresentar declaração da administradora do condomínio em papel oficial com carimbo do administrador e CNPJ;

- Declaração de notas do candidato, devidamente assinada (formal ou eletrônica) pelo Diretor da Unidade Escolar constando o curso, ano e se foi aprovado, somente para os candidatos de Ensino Fundamental e Ensino Médio; Município da Estância Balneária de Praia Grande Estado de São Paulo;

- Laudo Médico atestando o tipo e o grau/nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença – CID, sendo essa exigência somente para os alunos com deficiência;

Para os alunos que concorrerem à bolsa integral, além da documentação exigida acima, deverão apresentar também:

- Currículo esportivo, com assinatura, carimbo do técnico e o número da inscrição do técnico no Conselho Regional de Educação Física - CREF, de acordo com o impresso oficial que consta na ficha da pré-inscrição;

- Declaração ou certificado que comprove a participação de cada competição que constar no currículo esportivo expedido pelo organizador do evento; Não serão aceitas competições nacionais ou internacionais onde o atleta representar outro Estado que não seja o Estado de São Paulo.

Veja Mais