Raíssa trilha carreira de atriz depois de Chiquititas

Após sucesso na telinha, ela investe no teatro

06/06/2016 - 15:40 - Atualizado em 06/06/2016 - 15:42

Raíssa interpretou Bia, em Chiquititas, no SBT

(Foto: Divulgação)

Ser artista era algo que nem passava pela cabeça da jovem atriz guarujaense Raíssa Chaddad. Com apenas 14 anos, a adolescente pegou onda na fama que conquistou fazendo o papel de Beatriz (Bia), em Chiquititas, remake da novela infantil que foi ao ar no SBT entre 2013 e 2015, para investir de vez na carreira dela.

A atriz esteve recentemente em cartaz na temporada com a peça A Filha do Lobo, no Teatro Procópio Ferreira. No espetáculo, alusivo à história de Chapeuzinho Vermelho, Raíssa faz uma lobinha vegetariana que entra em conflito com a vovó e o lobo mau. Além disso, ela participa do quadro Dance Se Puder, no programa da Eliana.

Entretanto, nem sempre foi assim. A garota que agora chegou a interpretar a diva Beyoncé nos palcos do SBT, imitando a coreografia de Crazy In Love, tinha medo até de apresentação na escola. “Foi do nada, eu fugia até de trabalhos na escola para apresentar”, diz ela. Porém, foi só começar a fazer alguns cursos de teatro que o talento foi surgindo. “Então, eu acabei fazendo mais coisas, jazz, sapateado... As coisas foram surgindo e eu acabei no SBT”.

Com vídeos de comerciais e um curta-metragem (Missão Estelar), no Querô, a garotinha foi chamada pela emissora para fazer um teste para Chiquititas, de primeira. “Havia dois papéis para tentar, eu fui logo na marrentinha e passei. Fiquei muito feliz”.

Atriz de Guarujá, Raíssa contabiliza mais de 1,5 milhão de seguidores no Instagram (Foto: Fernanda Luz)

No susto

Assim que começou a novela, Raíssa tinha uma rotina pesada. Estudava de manhã, saía do colégio ao meio-dia, almoçava e começava a gravar por volta das 13h30 até às 20 horas. Aos sábados, ia das 9 às 17 horas. “Foi muito corrido. Nós mudamos para São Paulo para conseguir conciliar as coisas e minha vida mudou completamente. Mas eu não reclamava. Amei ter feito parte de Chiquititas”.

Outra questão foram os fãs. Do dia para noite, a garota recebeu milhares de seguidores. Seu Instagram, por exemplo, bomba hoje: são mais de 1 milhão e meio de seguidores. “No começo, as pessoas me paravam na rua e eu não entendia por que eles queriam tirar fotos comigo. Aos poucos, eu entendi que eram meus fãs e que eles gostavam do meu trabalho interpretando a Bia”.

Além disso, Raíssa, que tinha apenas 11 anos à época, teve que lidar com seu lado emocional também. “No começo, eu falava assim pros meus pais: ‘Mas mãe, a Bia é marrenta e briga com todo mundo. Vai que eu saio nas ruas e as pessoas querem me bater?’. Mas graças a Deus eu fiz uma boa interpretação e não apanhei na rua”.

Veja Mais