Paulo von Poser homenageia Benedicto Calixto, na Pinacoteca

Artista paulistano está com a mostra 'Porto, Tempo, Paisagem', em Santos, com releituras

21/12/2017 - 11:27 - Atualizado em 21/12/2017 - 11:57

Releitura de obra de Benedicto Calixto feita por Paulo von Poser (Foto: divulgação)

Uma homenagem afetuosa e delicada a um dos maiores pintores de paisagem da história do Brasil, o itanhaense Benedicto Calixto (1853-1927), feita por outro grande artista da paisagem: Paulo von Poser, de 57 anos. Assim é a mostra "Porto, Tempo, Paisagem", que fica em cartaz até 18 de fevereiro, num lugar mais que especial: a Pinacoteca Benedicto Calixto.

A exposição, com 12 obras, foi preparada ao longo do ano, a convite das museólogas Marjorie Medeiros, Ana Kalassa e Beatriz Henriques, da Pinacoteca, como forma de marcar os 90 anos da morte de Calixto. Apesar da distância no tempo, Poser passou boa parte de sua trajetória artística 'trombando' com o artista itanhaense, ou melhor, com a obra dele - como quando pintou o teto do Theatro Guarany, substituindo a pintura original do artista Benedicto Calixto, que tinha sido destruída por um incêndio no prédio.

A primeira vez foi em 1978, quando ingressou na Faculdade de Arquitetura da USP (FAU). “Foi numa aula com a crítica de arte Aracy Amaral, que falou sobre arte na América Latina”, lembra Poser, que depois se ligou mais à tradição moderna na arte. 

“Meu trabalho variou muito e teve muitas aplicações e exposições, mas a questão da paisagem sempre foi presente, porque sou um aficionado pela paisagem urbana. Em 1986, quando a Pinacoteca Benedicto Calixto é inaugurada ao público, eu redescubro Santos como professor. Aí a paisagem entrou com tudo na minha obra, sobretudo o porto, nas aulas ao ar livre com os meus alunos”, conta o desenhista, que ministra Desenho, há 32 anos, na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Santos (Faus). 

Na exposição, vê-se trabalhos feitos em vários suportes – acrílica, grafite e lápis de cor – além de fotos e vídeos, como o curta "Coisas do Cais", em que Poser fala do Porto de Santos como espaço de educação, criatividade e participação jovem. A produção foi premiada pela Fiat.

Há ainda o vídeo "O Roteiro do Pobre", de 2011, sobre o percurso de Poser entre São Paulo e Santos. “Eu compro a chapa de ferro em São Paulo, desço a Serra desenhando nela e completo no Monte Serrat”.

O artista Paulo von Poser desenhando sobre madeira (foto: divulgação)

"Porto, Tempo, Paisagem" tem uma expografia diferente. Ocupa três salas térreas da Pinacoteca, começando pelo Salão Nobre, que traz o desenho de um grande navio diretamente na parede (referência aos murais). “O casarão tem pinturas na parede e procurei trazer o desenho do Benedicto tatuado na casa, com essa ideia da pele que reveste a arquitetura e do navio como suporte da paisagem”.

Em uma das salas há uma rara seleção de fotos de Calixto em momentos íntimos, com a família, pintando e passeando. São imagens cedidas pelo Museu Paulista. Também tem uma linha do tempo com fotos, em que Poser relata momentos da vida de Calixto e de sua própria biografia. 

"A linha do tempo não é museológica, é uma leitura pessoal e artística dos eventos da vida dele. A maior graça foi ter a coincidência de eu desenhar a tataraneta de Benedicto, enquanto ela me desenha. Ali foi um encontro de almas”, diz. 

Oficinas gratuitas

Poser vai ministrar duas oficinas de desenho, gratuitas, para interessados a partir de 14 anos. Na primeira, dia 6 de janeiro, das 16 às 18h, serão produzidos desenhos do casarão da Pinacoteca. “É uma técnica de desenho coletivo, prática muito interessante para quem não está habituado a desenhar. Serão três painéis, em que vamos trabalhar a arquitetura do casarão, detalhes e jardim”, explica Poser.

A segunda oficina acontece no dia 27 de janeiro, mesmo horário, em que os participantes vão realizar cartões-postais. “Serão desenhos em pequena escala, a partir das obras de Benedicto, utilizando colagem e desenho”. 

Serviço: A Pinacoteca fica na Avenida Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Visitas de terça a domingo, das 9 às 18h.

Veja Mais