Chuva alaga Polo Industrial e provoca deslizamento de terra em Cubatão

Outras regiões da Cidade também registraram acúmulo de água após temporal

13/03/2018 - 11:31 - Atualizado em 13/03/2018 - 12:31

Área industrial de Cubatão registrou alagamentos na manhã desta terça (Foto: Paulo Motta/Divulgação/PMC)

Cubatão registrou prejuízos com as chuvas que atingiram a Cidade durante a madrugada e manhã desta terça-feira (13). O Polo Industrial e algumas regiões do município ficaram embaixo d'água e uma casa teve o terreno atingido por deslizamento de terra.

O escorregamento ocorreu às 6h39, na área da Comunidade Mantiqueira, segundo a Coordenadoria Municipal da Defesa Civil (Comdec). Técnicos do órgão "observaram um desmoronamento de médio porte em talude (rampa de terra) natural, sendo que o material se depositou parcialmente nos fundos de uma residência". Não houve vítimas e os moradores foram abrigados em casa de parentes. 

Ainda segundo informações da Defesa Civil, para evitar novos deslizamentos, parte do talude acima da área de onde ocorreu o desmoronamento está protegido por cobertura com lona plástica.

Além da região do Polo Industrial, os alagamentos ocorreram no bairro Vale Verde, em diversos pontos, e no Morro do Índio (Caminho São Marcos). Também foi registrada inundação no Caminho dos Pilões, proximidades do Rio Cubatão.

Outras ocorrências

O relatório preliminar da Comdec registra ainda queda de árvore de médio porte sobre a linha férrea, nas proximidades da passagem de nível da Avenida Joaquim Miguel Couto, confirmada, segundo informações da Prefeitura, por representante da empresa MRS Logística.

A Rede Telemétrica de Cubatão, ligada ao Sistema de Alertas a Inundações de São Paulo (SAISP) informou aos representantes do Município, por volta das 10 horas, que o nível fluviométrico (dos rios) na área industrial está em 5,10 metros e ainda com tendência de alta. Por conta da chuva, o Rio Mogi transbordou e alagou as imediações da Avenida Engenheiro Plínio de Queiroz. 

Por conta dos pontos de alagamento, agentes da Companhia Municipal de Trânsito (CMT) estão desviando os veículos na pista da Avenida Doutor Tancredo de Almeida Neves, no trecho que sai da Vila São José em direção à rotatória próxima ao Viaduto Rubens Paiva. Outra equipe está auxiliando na fluidez do trânsito na área da Avenida Plínio de Queiroz, perto do Posto Paulínea, onde também ocorreu acumulo de água. 

Veja Mais