Médico do Corinthians explica situação de Fagner e nega boicote a CBF

Lateral-direito foi cortado da Seleção por causa da lesão na coxa e retorno está cheio de polêmicas

11/09/2018 - 15:30 - Atualizado em 11/09/2018 - 15:54

Fagner durante treinamento CT (Foto: Daniel Augusto Jr/ Ag Corinthians)

A polêmica envolvendo a escalação de Fagner ganhou mais um capítulo. O médico do Corinthians, Joaquim Grava, em entrevista aos Canais ESPN, negou que haja um blefe para o atleta poder atuar na semifinal da Copa do Brasil contra o Flamengo. O Rubro-negro pretende entrar com um processo por escalação irregular caso o lateral-direito atue no confronto.

"Inicialmente, o prazo que nós tínhamos dado eram de duas a três semanas. Só que o Fagner teve uma evolução surpreendente. Ele reagiu muito bem nos últimos dias, ontem treinou e hoje fará um treinamento mais específico com bola para ver como ele se sente e se tem condições de jogar ou não. Ele pode também não ter condições de jogo. O que me surpreende é essa polêmica dizendo que o Fagner não teve nada. Ninguém no Corinthians faria isso, eu tenho 40 anos de futebol. Antigamente até poderia acontecer que ninguém pautaria, mas hoje é impossível. Tem exames e diversas formas de provar. Outra coisa, o Fagner foi desfalque do Corinthians por três jogos importantes. Ninguém teria o pensamento de tirar o jogador da Seleção Brasileira para daqui 12 dias ele jogar contra o Flamengo".

Depois de comentar sobre a evolução do atleta, o médico ainda falou sobre o que foi passado para a CBF referente a lesão de Fagner. "Foi passado para a CBF de duas a três semanas. Pois, contratura muscular de grau um é exatamente esse período, mas também pode ser que o jogador fique fora por cinco semanas. Uma lesão muscular depende muito da evolução, a técnica que você utiliza e com quem você trata. Cada caso é um caso e esse tipo de lesão não tem um tempo exato para a recuperação. O fato do Fagner estar sem sintomas não significa que ele está bem, é uma coisa muito relativa. Essa lesão é o grande vilão da medicina esportiva".

Corinthians e Flamengo se enfrentam nesta quarta-feira (12), às 21h45, na primeira partida da semifinal da Copa do Brasil, no Maracanã. O jogo de volta será realizado na Arena Corinthians, no mesmo horário, no dia 26 de setembro.

Veja Mais