Segundo navio da temporada de cruzeiros, Preziosa chega a Santos neste domingo

Movimentação de turistas por conta dos transatlânticos deve ser maior nesta temporada

18/11/2017 - 18:32 - Atualizado em 18/11/2017 - 18:33

Neste domingo (19), chega a Santos o segundo navio da temporada de cruzeiros 2017/2018. O MSC Preziosa atraca às 6 horas no Terminal Marítimo de Passageiros Giusfredo Santini (Concais). E apesar de um número menor de escalas, a expectativa do setor é de crescimento superior a 15% na quantidade de turistas embarcados no cais santista em relação ao período passado.

Assim prevê a Cruise Lines International Association (Clia, Associação Internacional de Cruzeiros, em livre tradução), entidade que reúne as principais armadoras do setor. De acordo com o presidente nacional da Clia, Marco Ferraz, até abril do próximo ano o terminal santista deve receber entre 450 mil a 500 mil passageiros.

Na temporada passada (2016/2017), a Cidade recebeu cerca de 420 mil pessoas – outros 40 mil passageiros desceram em escala. Ferraz justifica a previsão otimista aos dois novos destinos com saída agendada pelo Porto de Santos: Balneário Camboriú e Porto Belo, ambos em Santa Catarina.

Essas localidades indicam a tendência de minicruzeiros ao longo dessa temporada. Rotas com até três dias são as principais apostas das armadoras para retomar o crescimento no número de embarcados. 

De acordo com a previsão, a temporada vai crescer até quatro vezes acima da média (Arte: Monica Sobral/AT)

Caso a previsão se confirme, essa temporada vai crescer até quatro vezes acima da média nacional de incremento. Segundo Ferraz, o setor cresce cerca de 4% ao ano no País. A taxa é inferior ao restante do mundo, que imprime marca de expansão de 40%. 

"Hoje, 80 embarcações estão sendo construídas no mundo. A China tem 60 navios que fazem cruzeiros; a Austrália tem 36, enquanto o Brasil tem apenas sete", diz. Nesse ano, são esperados 25,8 milhões de cruzeiristas em todo o mundo.

Dados da entidade indicam o Porto de Santos como mais importante para o embarque de turistas. Ferraz sustenta que o Estado de São Paulo é o maior mercado consumidor de pacotes de cruzeiros. Mais da metade (56%) dos passageiros são paulistas, seguidos dos fluminenses (16%) e mineiros (6%). Já dois em cada 10 embarcados têm origem em outros estados brasileiros.

O presidente da entidade sustenta que o setor de cruzeiros marítimos contribuiu com R$ 1,911 bilhão na economia nacional, apenas na temporada passada. "A cada 18 cruzeiristas, um novo emprego é gerado no País". Na temporada que se inicia, os sete navios que vão navegar pela costa brasileira devem criar 24 mil empregos diretos.

Projeções da Clia indicam que se o setor contasse com 20 transatlânticos, como há oito anos, seriam gerados cerca de 46 mil empregos num curto espaço de tempo. “Com esse número de embarcações, a temporada 2017-2018 iria embarcar mais de um milhão de passageiros”. Ele avalia que a falta de infraestrutura, regulação própria e elevada carga de tributos levaram à retração do segmento no Brasil.

Início 

A temporada teve início no último dia 4, com a chegada do Sirena (Oceania Cruises), com 650 turistas em trânsito. Na ocasião, nenhum passageiro embarcou pelo terminal santista. Por essa razão, a chegada do Preziosa abre a programação de escala dos navios regulares em Santos. 

A embarcação foi a primeira a chegar ao Brasil, no dia 1º de novembro, e será a última a se despedir do País, após viagens com saídas de Salvador (BA) e Santos. Neste domingo, ele deixa a Cidade às 18 horas. Conforme o diretor comercial da MSC Cruzeiros, Ignácio Palacios, a armadora ampliou em 40% a oferta a passageiros para esta temporada. "Esperamos 100% de ocupação nas mais de 90 mil cabines. O Brasil foi e sempre será um mercado estratégico".

Palacios diz que a previsão de ocupação máxima deve-se à promoção da armadora que se esgota no dia 26 de novembro. No período, há pacotes a partir de R$ 799,00, parcelados em três vezes sem juros. Preço mais baixos também é estratégia adotada por outras empresas que operam no cais santista. A Costa Cruzeiros, por exemplo, oferece descontos de até 38% até o final do mês.

Veja Mais