Praia Grande terá 206 novas unidades habitacionais

Empreendimentos fazem parte do programa Minha Casa, Minha Vida

07/12/2017 - 09:30 - Atualizado em 07/12/2017 - 09:31

Obras são uma parceria da Prefeitura com a Caixa
Econômica Federal (Foto: Divulgação)

Praia Grande terá 206 novas casas em seis conjuntos habitacionais a partir de 2018 para diminuir o deficit habitacional na Cidade, atualmente estimado em 13 mil unidades. As obras começaram nesta quarta-feira (6), após a assinatura de convênio da Prefeitura com a Caixa Econômica Federal.

Os empreendimentos fazem parte do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. Os projetos haviam sido habilitados pelo Ministério das Cidades em junho.

Os primeiros imóveis erguidos serão no Sítio do Campo, onde a empresa responsável pelos trabalhos, Rocris, começou ontem a instalar tapumes no terreno, que abrigará 46 casas, em quatro conjuntos.

Os outros dois empreendimentos ficarão no Antártica, com oito unidades, e na Vila Sônia, com 152 residências. Serão utilizados cerca de R$ 19,5 milhões nas obras dos seis conjuntos.

Cada casa terá área aproximada de 45 m² e as seguintes dependências: dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. O custo cada unidade é de cerca de R$ 95 mil, conforme a Prefeitura. 

De acordo com o secretário de Habitação de Praia Grande, Antônio Eduardo Serrano, as obras no Sítio do Campo começaram agora e a previsão é que sejam concluídas em até 12 meses.

Os beneficiários serão pessoas já cadastradas pela Secretaria de Habitação desde 2013 e que tenham renda familiar de até R$ 1,8 mil - requisito da faixa 1 do Minha Casa, Minha Vida.

“Haverá sorteio entre os selecionados. Há critérios de prioridade, como pessoas de idade e com deficiência física, e proximidade, para disponibilizar as unidades para aqueles cadastrados que moram no entorno”.

Veja Mais