Mansão que pertenceu ao estilista Clodovil é arrematada por R$ 750 mil

Imóvel com vista para o mar e mais de 20 cômodos fica em Ubatuba, em uma região conhecida como Sertãozinho

17/08/2018 - 15:42 - Atualizado em 17/08/2018 - 15:53

Estilista, eleito deputado federal em 2006, morreu
em março de 2009 (Foto: Folhapress)

A mansão que pertenceu ao estilista Clodovil Hernandes em Ubatuba, no Litoral Norte de São Paulo, foi arrematada na última quinta-feira (16) por R$ 750 mil, em um leilão virtual. A casa, com vista para o mar e mais de 20 cômodos, foi comprada por um morador de Campinas. 

A página do leilão recebeu mais de 4,5 mil visitas. Porém, apenas dois usuários se habilitaram para dar lances. Essa foi a terceira vez que o imóvel foi colocado à venda. O primeiro leilão foi realizado em novembro de 2017 e o mais recente em fevereiro deste ano. 

No primeiro leilão online, o lance inicial era de R$ 1,2 milhão, reduzido para R$ 900 mil na segunda oferta dentro do mesmo leilão. Nas duas ocasiões, ninguém ofereceu lances. 

A casa tem nove suítes, piscina, sauna, capela e até um lago. Ela está construída às margens da BR-101, em uma área de terreno de três mil metros quadrados, entre as praias do Leo e do Meio, em uma região conhecida como Sertãozinho. 

LEIA MAIS

<