Jovem espancado em bar passou por duas cirurgias e segue na UTI

Lucas Martins de Paula está internado em estado grave no Hospital Santa Casa de Santos

10/07/2018 - 12:43 - Atualizado em 10/07/2018 - 18:01

Universitário teve politraumatismo por conta das agressões
e está na UTI (Foto: Reprodução/Facebook)

O universitário Lucas Martins de Paula, espancado por seguranças do Baccará Bar & Grill, no Embaré, em Santos, segue internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Casa. Por conta dos ferimentos, Lucas passou, nos últimos dias, por dois procedimentos operatórios de drenagem de hematoma intracraniano (coágulo de sangue no cérebro), em coma induzido.

A agressão ocorreu após o jovem, de 21 anos, contestar o valor da comanda, na madrugada do último sábado (7).

De acordo com informações da unidade de saúde, o paciente está sedado, com monitorização da pressão intracraniana.

A confusão

Dois amigos do estudante – um advogado e um empresário – também foram agredidos por funcionários da casa noturna, localizada na Rua Oswaldo Cochrane, 64. A divergência da consumação recaiu sobre uma garrafa long neck de cerveja de R$ 15,00.

Lucas cursa Engenharia Elétrica e trabalha na empresa do pai. Ele perdeu os sentidos e foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central. Em estado grave, o jovem foi transferido cerca de uma hora depois à UTI.

Veja Mais