Céu da Baixada Santista se ilumina para brindar a chegada de 2018

Um belo espetáculo de luzes e cores marcou a virada do ano na região

01/01/2018 - 00:30 - Atualizado em 01/01/2018 - 12:37

A chuva não veio e um belo espetáculo de luzes e cores marcou a virada do ano (Foto: Vanessa Rodrigues/AT)

Vermelho, verde, azul, branco e muito dourado. Um verdadeiro espetáculo de luzes e cores marcou a chegada de 2018 na Baixada Santista. Em Santos, foram 17 toneladas de fogos de artifício, que durante 16 minutos encantaram o público. De acordo com informações da Administração Municipal, a queima de fogos atraiu cerca de 1 milhão de pessoas à orla.

No céu, rojões em forma de estrelas, carinhas felizes e corações. O espaço se iluminou com cascatas douradas e bombas de duas cores. Ao final, mais fogos dourados, em uma altitude ainda maior.

O show contou com o apoio de 10 balsas espalhadas pela Baía de Santos, entre os canais 1 e 6. Pela primeira vez, foram acionados por GPS, e não por rádio.

A queima de fogos foi realizada pela Vision Show e custeada pela VLI, empresa do ramo de logística integrada, e a Costa da Mata Atlântica Convention & Visitors Bureau.

Os que foram à praia assistiram de perto a um belo espetáculo no céu (Foto: Vanessa Rodrigues/AT)

Segurança 

Conforme informações da Secretaria de Segurança, foram registradas 49 ocorrências das 20h de domingo (31) até as 6 horas desta segunda-feira (1º), a maioria relacionada a orientações às barracas de praia para desligarem o som no horário determinado, após as 2h.

Também teve apreensão de bebidas alcoólicas na orla do Boqueirão, comercializadas por ambulante irregular; apoio a cinco crianças perdidas; dez orientações a munícipes e visitantes; e apoio a órgãos da prefeitura.

Guardas municipais ainda prestaram auxílio a munícipes que se perderam de parentes, como um idoso que foi levado de viatura da Fonte do Sapo até sua residência no bairro Aparecida; e um cadeirante que teve o pneu de sua cadeira de rodas furado e também foi levado do Embaré até sua casa na Ponta da Praia.

“O trabalho transcorreu tranquilo em toda a orla, coberto com patrulhamento em viaturas e motos, além do bote que apoiou a queima de fogos. O clima foi bom e não tivemos ocorrências de vulto”, ressaltou o subcomandante da Guarda Municipal, Marcelo Messias de Oliveira. A atuação da corporação também ocorreu em Caruara, Área Continental.

ver galeria
1/15
Veja Mais