Dersa anuncia nova barca na travessia Santos/Vicente de Carvalho

Nova embarcação, com capacidade para até 430 pessoas, deve começar a operar na segunda quinzena de setembro

30/08/2018 - 20:43 - Atualizado em 31/08/2018 - 10:57

Fiscais do Procon retornaram ao terminal, no lado de Santos, nesta quinta-feira (Foto: Carlos Nogueira/AT)

Uma barca nova, que deve começar a operar a partir da segunda quinzena de setembro, é a esperança de que os problemas na travessia entre Santos e Vicente de Carvalho, em Guarujá, deem um tempo. Já que, mesmo com as constantes fiscalizações dos Procons dos dois municípios, a lista de queixas dos usuários não dá trégua e parece aumentar a cada dia que passa.

A infraestrutura do terminal, o estado das embarcações, a demora e a superlotação lideram o ranking das reclamações. Nesta quinta-feira (30), o coordenador do Procon-Santos, Rafael Quaresma, voltou ao terminal do lado santista pra verificar se a Dersa, responsável pela travessia, havia cumprido pedidos feitos no final de julho.

“O piso tátil foi colocado, houve limpeza do toldo e da fachada, o bebedouro foi instalado. Mas faltam vidros e uma melhora na iluminação”, avaliou Rafael.

De fato, não é necessário muito tempo para encontrar ferrugem na plataforma, no telhado e na estrutura de sustentação da caixa d´água, por exemplo. E basta parar cinco minutos na área de embarque para choverem pedidos de melhorias. 

“Precisa de muita melhoria mesmo. Na verdade, de uma reforma geral, porque o serviço é péssimo e demorado”, diz o maquinista Paulo Vicente, 39 anos. “A estrutura é ruim. Você pega barca cheia, antiga, sem condições de oferecer um serviço decente”,

A promotora de vendas Bruna Pinheiro, 34 anos, faz a travessia entre Santos e Vicente de Carvalho há quatro meses e já reforça o coro. “Acho muito ruim. As embarcações são velhas e enferrujadas. Precisam melhorar muito a qualidade do serviço oferecido”.

Fiscalização

O problema, segundo Rafael, é que as reclamações dos consumidores não chegam ao órgão. E a blitz acaba sendo feita com base nas fiscalizações. Segundo ele, haverá nova fiscalização no final de setembro para avaliar os itens não cumpridos.

Dias melhores

O diretor de operações da Dersa, Eduardo Di Gregório, informou que uma nova barca, com capacidade pra 430 passageiros, deve chegar na segunda quinzena de setembro, o que deve resolver o problema da demora. 

“Ela já está na água, em Navegantes (SC), nos trabalhos de navegação assistida”. Com isso, subirá para cinco o número de embarcações na travessia de passageiros. 

Os pedidos feitos pelo Procon e outras melhorias também estão sendo providenciados, de acordo com ele. Questionado quanto a uma reforma geral no terminal santista, Di Gregório não descartou a possibilidade, mas não deu prazo para nada. 

Veja Mais