Balbuena minimiza momento: 'Nossa situação não está muito feia'

Apesar de três derrotas em quatro jogos, zagueiro diz que é cedo para falar em pressão sobre o técnico

05/06/2018 - 22:38 - Atualizado em 05/06/2018 - 22:52

Para Balbuena, clima no clube é bom, apesar do mau momento (Foto: Daniel Augusto/Agência Corinthians)

O início de trabalho de Osmar Loss como técnico do Corinthians não é dos melhores, mas o zagueiro Balbuena acredita que não há motivos para tanta preocupação. O paraguaio ressaltou que o clima é o mesmo no clube e que é prematuro para falar em pressão sobre o treinador. 

"Nossa situação não está muito feia. Não sei quem está querendo colocar que a situação está feia aqui. Nós temos um ambiente bom de trabalho, estamos classificados na Copa do Brasil e Libertadores. O Brasileiro ainda tem bastante jogos pela frente e é prematuro falar. Temos que melhorar nosso jogo e depois pensar em ir escalando (na tabela)", disse o paraguaio. 

Em quatro jogos sob o comando de Loss, o Corinthians perdeu três jogos e venceu um. O duelo contra o Santos, nesta quarta-feira (6), na Arena, pelo Brasileirão, será o primeiro clássico do treinador no comando da equipe, que terá ainda outras duas partidas até a parada para a Copa - contra Vitória e Bahia.

Balbuena desconversou sobre a possibilidade de uma vitória no clássico amenizar a pressão em cima do comandante corintiano. "Não sei se ganhar o clássico vai mudar alguma coisa. Questionamento sempre existe. Ano passado, fizemos um primeiro turno muito bom e, mesmo assim, havia questionamentos. Resultados são os que trazem mais confiança para saber trabalhar melhor. Afinal das contas, são mais três pontos em jogo", explicou.


Jadson, só depois da Copa

Jadson é mais um desfalque no Corinthians para o técnico Osmar Loss administrar até a parada do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa do Mundo. O meia sofreu um estiramento muscular na coxa direita e só deve retornar aos gramados após o Mundial da Rússia.

O Corinthians confirmou nesta terça (5) que o jogador está fora do clássico contra o Santos, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians, em São Paulo, e que dificilmente terá condições de atuar contra o Vitória, neste sábado (9), e o Bahia, na quarta que vem. Jadson sofreu a lesão aos 30 minutos do jogo contra o Flamengo, no domingo passado, no Rio de Janeiro.

Antes do meia, o Corinthians já tinha perdido Renê Júnior, Ralf e Clayson por lesão e o trio também só retorna após a Copa do Mundo. O atacante paraguaio Romero, que ficou fora das últimas partidas, deve ser a novidade contra o Santos.

O paraguaio treinou normalmente nesta terça-feira e é a única dúvida de Osmar Loss para a partida. O treinador comandou um treinamento tático e formou o time com 12 jogadores, revezando entre Romero e Mateus Vital. Assim, o Corinthians deve ir a campo com Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Pedrinho, Rodriguinho e Romero (Mateus Vital); Roger.

Veja Mais