Patente do PlayStation sinaliza volta da retrocompatibilidade

O registro foi feito em 13 de fevereiro pelo arquiteto-chefe do PS4. O recurso está em testes

07/03/2018 - 14:53 - Atualizado em 07/03/2018 - 14:53

A decisão da Microsoft de inserir a retrocompatibilidade no Xbox One com todos os seus consoles anteriores, pelo jeito, chamou a atenção da Sony.  No dia 13 de fevereiro, o arquiteto-chefe do PlayStation 4, Mark Cerny, registrou um documento que diz que a Sony Interactive Entertainment está testando o software de retrocompatibilidade nas unidades de processamento do seu console.

Se a empresa realmente for levar isso adiante, o cadastro realizado é apenas o primeiro passo para a implementação da tecnologia. Sem falar que é preciso considerar que há chances de o recurso estar sendo desenvolvido para um novo videogame e não necessariamente para o PlayStation 4.

Mudanças na arquitetura do PS4 inviabilizaram a compatibilidade com o PS3. (Foto: Reprodução)

Quando se fala em retrocompatibilidade, a Sony foi pioneira, ao oferecer, já no começo dos anos 2000, a possibilidade de o PS2 rodar games do PS1. Na sequência, a empresa lançou os primeiros modelos de PS3 contendo o chip que permitia a execução de jogos do PS2, mas, para baixar os custos de produção do aparelho, um tempo depois isso deixou de ser feito.

O PS4, por sua vez, não possui compatibilidade com os games de PS3, devido a mudanças na arquitetura de processamento do console, em relação a seu antecessor. Por enquanto, a forma encontrada pela Sony para contornar a situação é investir em remasterizações de clássicos como God of War III, além da venda de versões digitais de títulos de PS2.

Veja Mais