EDIÇÃO DIGITAL

Segunda-feira

19 de Novembro de 2018

Jean prega cautela no Brasileirão e analisa parte final como a mais difícil

Nos próximos 5 jogos, Verdão encara três times que brigam para não cair e um que briga por Libertadores

O lateral-direito do Palmeiras, Jean, disse que a equipe tem a tabela mais difícil do Brasileirão pela frente. O Alviverde encara o Atlético-MG, que briga por uma vaga na Libertadores 2019, América-MG, Vitória e Vasco, que estão brigando para não cair para série B, além do Fluminense e o já rebaixado, Paraná.

"Acho que a tabela é a mais difícil. Tivemos o exemplo do São Paulo que enfrentou o Paraná fora de casa e acabou tropeçando. Precisamos tirar lições daí. São os jogos mais difíceis que a gente vai enfrentar. Todos esses times querem sair da situação em que se encontram e os jogadores querem mostrar seu futebol. Comigo era assim", disse.

Líder do Brasileirão com cinco pontos de vantagem para o segundo colocado, o Internacional, o elenco do verdão tenta segurar o ânimo e a ansiedade na reta final de temporada.

"A gente fica ansioso, pois estamos mais próximos a cada vitória e a cada rodada. Mas temos de manter os pés no chã. Foi assim em todos os clubes onde passei. A gente precisa conversar com aqueles que ainda não passaram por isso para que a gente deixe a empolgação de lado".

O lateral ainda revelou que 2018 foi o ano mais complicado da carreira devido a lesão no joelho direito. "Foi o ano mais difícil pra minha carreira e tenho que agradecer ao Palmeiras por todo o apoio que recebi".