EDIÇÃO DIGITAL

Domingo

18 de Novembro de 2018

Operação retira mais de 130 toneladas de lama do Canal 1, em Santos

Trabalho de desassoreamento integra projeto Cuidando de Santos

Em três dias de trabalho, mais de 130 toneladas de lama foram retirados do canal da Avenida Senador Pinheiro Machado, em Santos. O trabalho, que começou na última terça-feira (6), faz parte da Operação Cuidando de Santos, que complementa a limpeza das galerias de redes de drenagem para melhorar a vazão das águas em direção o mar.

Nesta quinta-feira (8), funcionários da Prodesan continuaram o trabalho próximo à Rua Joaquim Távora. Os trabalhadores estavam supervisionados por técnicos da Secretaria de Serviços Públicos, além do apoio da Companhia de Engenharia de Tráfico (CET).

"As saídas das tubulações desembocam nos canais e o acúmulo no canal 1 é ainda mais crítico pela largura maior das manilhas que favorecem o recebimento da lama trazida pela maré alta, pelas galerias e dos morros”, explica o coordenador de Serviços Públicos, Flávio Morgado.

O ponto mais crítico de toda a operação é o conhecido como "curvão" do canal 1. O local terá dificuldades justamente pela curva que dificulta o desague dos sedimentos. Quando o trabalho for finalizado, a profundidade aumentará em médica 50 centímetros e facilitará a vazão das águas.

O trabalho de desassoreamento no canal 1 deve ser concluído em até 30 dias até a Rua Carvalho de Mendonça.

Mais de 130 toneladas de lama foram retirados do canal 1, em Santos (foto: Divulgação/Prefeitura de Santos)